Últimas Notícias

Suprema corte da Colômbia descriminaliza aborto até 24 semanas de gestação

A Colômbia se torna o sexto país da América Latina a flexibilizar o acesso à interrupção da gravidez. 

Foto: Reprodução/Twitter/@lasillavacia

A Corte Constitucional da Colômbia descriminalizou o aborto até 24 semanas da gestação, cerca de 6 meses de gravidez. A decisão foi tomada pelo Supremo Tribunal do país, na segunda-feira (21), com 5 votos a 4.

Com a descriminalização, a Colômbia se torna o sexto país da América Latina a flexibilizar o acesso à interrupção da gravidez. Em todo o mundo, em 67 países, a decisão pela interrupção da gravidez é da mulher.

Na Colômbia, o Código Penal considerava o aborto legal apenas em três casos: estupro ou incesto, malformação fetal que inviabilizasse a vida ou quando a continuação da gravidez constituisse um perigo à vida ou à saúde da mulher, atestado por um médico.

Mais de 90 organizações, que fazem parte do Movimento Causa Justa, se mobilizaram pela descriminalização do aborto no país. O movimento considera que o direito ao aborto legal é uma forma de reconhecer a "liberdade e autonomia das mulheres para decidir sobre seus corpos e projetos de vida, características fundamentais da cidadania plena".




Metro1



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
header ads