quinta-feira, 7 de maio de 2020

Agressões a jornalistas são 'lamentáveis e intoleráveis', diz Toffoli


[Agressões a jornalistas são 'lamentáveis e intoleráveis', diz Toffoli]


Presidente do Supremo Tribunal Federal fez pronunciamento no início da sessão desta quarta (06)


O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, fez um discurso na abertura da sessão do STF hoje (6) em que repudiou as agressões a profissionais de imprensa ocorridas no domingo (3), em um ato pró-governo. Toffoli ainda classificou as agressões de "lamentáveis e intoleráveis".
“Gostaria de deixar registrado na ata do plenário nosso repúdio a toda e qualquer tipo de agressão aos profissionais da imprensa, devendo a conduta dos agressores ser devidamente apurada pelas autoridades competentes. Sem imprensa livre não há liberdade de expressão e de informação. Sem imprensa livre não há democracia”, afirmou.
Os manifestantes clamaram pelo fechamento do Supremo e agrediram repórteres e fotógrafos que trabalhavam no local. A manifestação teve o apoio do presidente Jair Bolsonaro.
Toffoli lembrou que domingo era o Dia Mundial da Liberdade de Imprensa.
"Trata-se, portanto, de data de elevada importância em um Estado Democrático de Direito, o que torna as agressões ainda mais lamentáveis e intoleráveis", afirmou o ministro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário