sexta-feira, 30 de outubro de 2020

Baiana é uma das vítimas do atentado à basílica na França

[Baiana é uma das vítimas do atentado à basílica na França]
Foto : Reprodução / RFI

 Uma baiana estava entre as vítimas do atentado terrorista na basílica Notre-Dame de Assunção, hoje (29), no centro de Nice, na França. Simone Barreto Silva, nascida em Salvador, tinha 44 anos, morava no país francês há 30 e deixou três filhos.

Simone Barreto tinha nacionalidade francesa e formação de cozinheira, mas atualmente trabalhava como cuidadora de idosos. Além disso, Simone era agitadora cultural em Nice e teria organizado, com suas irmãs e primas, a Festa de Yemanjá na cidade.

O governo federal afirmou que “deplora e condena veementemente o atroz atentado” que deixou três mortos. O presidente Jair Bolsonaro deu condolências aos familiares e amigos de Simone e "bem como aos das demais vítimas, e estende sua solidariedade ao povo e governo franceses", disse em comunicado.

De acordo com informações da agência Reuters, ela foi ferida a faca e morreu num restaurante quase em frente à catedral, onde tinha tentado se refugiar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário