terça-feira, 24 de novembro de 2020

Energia é restabelecida totalmente no Amapá após 22 dias de apagão, diz governo

Energia é restabelecida totalmente no Amapá após 22 dias de apagão, diz governo
Foto: Rudja Santos / Amazônia Real


O fornecimento de luz no Amapá foi normalizado, segundo a distribuidora de energia do estado e o governo federal. Após 22 dias de apagão, o anúncio do término do rodízio foi feito pela Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) às 8h12 desta terça, conforme o G1. 

 

A retomada total do fornecimento foi possível após a energização, na madrugada desta terça-feira (24), de um segundo transformador na subestação Macapá, a principal do estado e que pegou fogo no dia 3 de novembro.

 

"O rodízio do fornecimento de energia foi oficialmente encerrado. [...] Com este transformador operando, o fornecimento foi garantido em 100% para atender os 13 municípios que foram afetados com o acidente na Subestação Macapá no dia 3 de Novembro", declarou a CEA, em nota.

 

O Ministério de Minas e Energia também informou, no Twitter, que a distribuição de energia foi retomada em todo o estado, após três semanas de crise energética. Durante os 22 dias, a população precisou lidar com dois blecautes. O primeiro, de 4 dias, ocorreu em 3 de novembro. O outro apagão total ocorreu em dia 17 de novembro. 

 

O blecaute afetou o fornecimento de água e as telecomunicações, gerou uma corrida aos postos de combustíveis que tinham geradores de energia, provocou prejuízos a comerciantes que não conseguiam manter alimentos refrigerados, mudou toda a rotina dos amapaenses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário