domingo, 17 de janeiro de 2021

Pais de alunos da rede privada fazem protesto na SEC e pedem retorno das aulas; Em Santo Antônio de Jesus houve protesto nas ruas com pais, professores e dirigentes

Pais de alunos da rede privada fazem protesto na SEC e pedem retorno das aulas

A frente da sede da Secretaria de Educação da Bahia (SEC), em Salvador, foi ocupada neste sábado (16) por pais, alunos, professores, donos de escolas, gestores e motoristas de transporte escolar em um protesto que pedia o retorno das aulas presenciais nas escolas privadas.

 

A manifestação pacífica contou com cartazes, pinturas em carros e balões. O grupo de manifestantes depois saiu pelas ruas da cidade em carreata. 

 

O proteto foi registrado também em cidades do interior como Feira de Santana, Itabuna e Ilhéus. 

 

As aulas presenciais em unidades públicas e privadas da Bahia estão suspensas desde o mês de março por um decreto do governo do estado. A suspensão foi uma das primeiras medidas adotadas na Bahia para tentar frear a disseminação da Covid-19. 

 


Em Em Santo Antônio de Jesus houve protesto nas ruas com pais, professores e dirigentes; Que pediam o retorno das aulas presenciais.

Santo Antônio de Jesus / imagens Gigante da Notícia 


Veja relato de uma mulher que emagreceu quase 20kg em apenas 02 meses e meio de forma natural

Siga: Instagram:@fabianeinacio

 

Deixei de ser evangélica para ser umbandista; Assista ao relato


 

EQM: fora do corpo e o corpo em ação; Publicitária sobre acidente e espírito saiu do corpo ( VEJA )


 

Mulher é presa suspeita de matar filha de um ano no oeste da Bahia

Mulher é presa suspeita de matar filha em Barreiras, no oeste da Bahia — Foto: Alberto Maraux


Mulher é presa suspeita de matar filha em Barreiras, no oeste da Bahia — Foto: Alberto Maraux


Uma mulher foi presa, na tarde de sábado (16), suspeita de matar a filha de um ano em Barreiras, no oeste da Bahia. Ela estava foragida desde quinta-feira (14), quando ocorreu o crime, e foi encontrada em um terreno abandonado na cidade, segundo informações da Polícia Civil.

De acordo com a polícia, a mulher, que não teve a identidade revelada, utilizou uma faca para matar a criança e fugiu. Os pais da autora do crime teriam presenciado o caso e entraram em contato com a polícia.

A mulher, que tinha mandado de prisão preventiva, foi encontrada no bairro Nova América 2, em Barreiras, durante ação conjunta das polícias Civil e Militar.

Ainda de acordo com a polícia, a mulher foi apresentada na Delegacia Territorial (DT) do município, onde o mandado foi cumprido e, após prestar depoimentos e fazer exames, foi encaminhada para o sistema prisional.

G1

EUA realizam 13ª e última execução da 'era Trump'; Biden quer acabar a pena de morte


EUA realizam 13ª e última execução da 'era Trump'; Biden quer acabar a pena de morte

O governo dos Estados Unidos realizou, na madrugada deste sábado (16), a 13ª e última execução federal sob o governo do presidente Donald Trump, poucos dias antes do democrata Joe Biden assumir o cargo. O presidente eleito, com mandato até janeiro de 2025, prometeu tentar acabar com a pena de morte no país. As informações são do portal G1.

 

Dustin Higgs, de 48 anos de idade, foi declarado morto às 01h23 (hora local), segundo comunicado da Federal Bureau of Prisons (BOP), agência do Departamento de Justiça responsável pelo sistema federal de prisões. Ele foi executado com injeções letais de pentobarbital, uma droga que induz à morte, na prisão em Terre Haute, Indiana.

 

Higgs foi condenado e sentenciado à morte em 2001 por supervisionar o sequestro e assassinato de três mulheres em uma reserva federal de vida selvagem em Maryland no ano de 1996: Tanji Jackson, Tamika Black e Mishann Chinn.

 

Em suas últimas palavras, Higgs parecia calmo e desafiador, de acordo com um repórter que serviu como testemunha da imprensa. "Eu gostaria de dizer que sou um homem inocente", disse ele, mencionando as três mulheres pelo nome. "Eu não ordenei os assassinatos", completou.

 

"O governo segue com sua matança sem precedentes tirando a vida de Dustin Higgs, um homem negro que nunca matou ninguém, no aniversário de Martin Luther King", disse Shawn Nolan, um dos advogados de Higgs.

 

"Dustin passou décadas no corredor da morte em confinamento solitário ajudando outras pessoas ao seu redor, enquanto trabalhava incansavelmente para lutar contra suas condenações injustas", completou.

 

O governo norte-americano executou 10 pessoas em 2020, mais de três vezes mais do que nas seis décadas anteriores. Desde 1963, apenas três pessoas haviam sido executadas pela administração federal antes da gestão de Trump.

Vitória da Conquista: Idosa de 99 anos se recupera da Covid-19 e é recebida com festa


Vitória da Conquista: Idosa de 99 anos se recupera da Covid-19 e é recebida com festa

Heloísa Araújo Monteiro, de 99 anos, é uma sobrevivente. Integrante de um dos principais grupos de risco para a Covid-19, ela ficou internada por sete dias em um hospital de Salvador, mas se recuperou da doença e retornou para casa, em Vitória da Conquista, nesta sexta-feira (15). As informações são da TV Sudoeste.

 

“Estive muito mal. Não respirava. Minha impressão era que eu ia morrer”, afirmou Dona Loló, como é conhecida.

 

Com balões e muita festa, familiares receberam Dona Loló na entrada do prédio onde mora, em Conquista. “Graças a Deus, minha mãe só fez evoluir bem a cada dia que passava. Não precisou de nenhum procedimento invasivo, nem mesmo uso de oxigênio sob cateter nasal”, afirmou a filha, Lícia D’Almeida, que é médica.

 

“Vou fazer daqui a quatro meses 100 anos. Foi bom me hospitalizar e me cuidar. Agora, estou aqui na minha casa. Eu estava envelhecida e hoje estou rejuvenescida”, finalizou Dona Loló.

Foto: Reprodução / TV Sudoeste / Blog do Anderson

Itália suspende voos do Brasil após nova variante do coronavírus

Itália suspende voos do Brasil após nova variante do coronavírus

A Itália anunciou neste sábado (16) que vai suspender os voos do Brasil como uma resposta a uma nova cepa de coronavírus. É o segundo país que decide barrar a entrada de pessoas vindas do território brasileiro por causa da variante encontrada no Amazonas. As informações são do portal G1.

 

Segundo o ministro da Saúde da Itália, Roberto Speranza, qualquer pessoa que tenha transitado pelo Brasil nos últimos 14 dias também está proibida de entrar no país. E quem chegar à Itália do Brasil será obrigado a fazer um teste para detectar o vírus. "É fundamental que nossos cientistas estudem a nova cepa. Nesse ínterim, estamos tomando uma abordagem muito cautelosa", disse ele nas redes sociais.

 

Na quinta-feira, o Reino Unido decidiu barrar viajantes oriundos do Brasil, Portugal e de outros 14 países por conta da nova variante do coronavírus. A proibição passou a valer já na sexta (15).

Japonês de 102 anos que mora em Curitiba sobreviveu a Covid-19 e a gripe espanhola


Japonês de 102 anos que mora em Curitiba sobreviveu a Covid-19 e a gripe espanhola

Um morador de Curitiba, de 102 anos, sobreviveu não apenas a uma pandemia mundial, mas a duas: a gripe espanhola, em 1918, e a Covid-19 atualmente. Yoshio Nishii nasceu em Osaka, a 400 quilômetros de Tóquio, no Japão, e vive na capital paranaense há 28 anos. As informações são do portal G1.

 

Em 1918, o mundo viveu a pandemia de gripe espanhola, na qual 50 milhões de pessoas morreram vítimas da doença. Yoshio, então recém-nascido, quase foi uma dessas vítimas. Ele chegou a ser dado como morto, mas, durante o velório, mexeu um braço e foi visto pelo tio.

 

Mais de um século depois, no começo de dezembro de 2020, ele e a esposa Elisa, de 93 anos, testaram positivo para a Covid-19. "Ele não acha nada especial nisso. Inclusive, eu conheci essa história agora, quando ele pegou a Covid foi que ele comentou isso", disse o filho Keiichiro Nishii.

 

Os dois tiveram sintomas leves e conseguiram se recuperar da doença. "Ele quase não sentiu muito, só febre e um pouquinho de cansaço", comentou o filho.

 

Segundo Yoshio, a "saúde de ferro", capaz de deixar duas pandemias para trás, foi construída tendo como base a calma: uma receita centenária para uma vida feliz. "Ele acha que [o ideal é] sempre pensar positivo e não ficar remoendo as coisas da vida", concluiu Keiichiro.

Prefeitura de Santo Antônio de Jesus proíbe shows, festas e eventos esportivos por 30 dias


Prefeitura de Santo Antônio de Jesus proíbe shows, festas e eventos esportivos por 30 dias

A prefeitura de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, proibiu, nesta sexta-feira (15), a realização de shows, festas públicas, privadas e afins, independente do número de participantes pelo período de 30 dias. Também fica vedado o acontecimento de eventos desportivos, cerimônias de casamento, feiras, circos, eventos científicos e solenidades de formatura.

 

O decreto publicado pela gestão municipal, por outro lado, permite a realização de atividades religiosas, desde que respeitando o limite máximo de 200 pessoas ou 30% da capacidade do salão, o que for maior, bem como o distanciamento mínimo de 1,5 metro. O uso de máscara é obrigatório e deve ser disponibilizado álcool gel ou líquido 70%.

 

Também impondo medidas de distanciamento, a prefeitura liberou ainda o funcionamento de academias, cinemas, teatros, cursos de qualificação profissional, hotéis, motéis, pousadas, pensões, clubes recreativos, shoppings, centros comerciais, galerias, restaurantes, lanchonetes, bancos e lotéricas.

 

O descumprimento das normas apontadas no decreto municipal poderá ensejar multa, em valores que podem variar de R$ 1 mil a R$ 30 mil, a depender da gravidade avaliada pela prefeitura.

 

Conforme o boletim da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) nesta sexta-feira (15), Santo Antônio de Jesus é o sexto município baiano com mais casos ativos da Covid-19, na frente de cidades maiores, como Feira de Santana, Camaçari, Ilhéus e Lauro de Freitas.

Filósofa e ex-Testemunha de Jeová faz relato sobre sua experiência traumática na " religião"

 


Com 5.832 novas contaminações, casos ativos da Covid-19 disparam na Bahia




Os casos ativos da Covid-19 dispararam na Bahia e alcançaram o maior número desde 29 de agosto. Em uma semana, a quantidade de contaminados no estado saltou de 6.828, no sábado anterior (9), para 12.589 neste sábado (16), conforme dados publicados no boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab).

 

Os 10 municípios baianos com mais casos ativos são Salvador (2.617), Vitória da Conquista (524), Itabuna (345), Cruz das Almas (234), Ilhéus (227), Jequié (209), Santo Antônio de Jesus (203), Alagoinhas (188), Porto Seguro (174) e Feira de Santana (168).

 

O aumento de casos ativos tem sido puxado por um grande número de novos diagnósticos positivos para Covid-19 nos últimos dias. Após o registro de 4.113 novas contaminações na quinta-feira (14) e 5.471 na sexta (15), o novo boletim da Sesab apontou 5.832 novos casos neste sábado (16). É o maior dado diário desde o dia 22 de julho.

 

O boletim da Sesab também divulgou a notificação de 31 novos óbitos em decorrência da Covid-19, sendo que 27 ocorreram nos 15 primeiros dias de janeiro. Publicadas com atraso, as outras quatro mortes são datadas de 1º de agosto, 3 de dezembro, 29 de dezembro e 30 de dezembro.

 

Com isso, a Bahia agora acumula 534.371 casos confirmados e 9.606 mortes em decorrência da Covid-19 desde o início da pandemia, que registrou seu primeiro caso no estado no dia 6 de março, em Feira de Santana.

foto correio

Salas de prova do Enem têm 80% de ocupação e Defensoria diz que Inep mentiu


Salas de prova do Enem têm 80% de ocupação e Defensoria diz que Inep mentiu

A Defensoria Pública da União (DPU) entrou com ação para anular a decisão da Justiça Federal que manteve a realização do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) para este domingo (17). O órgão diz que o Inep mentiu sobre as medidas de segurança adotadas, já que manteve salas com 80% de ocupação.

O Inep anunciou e informou à Justiça que as salas de prova teriam ocupação inferior a 50%, como forma de garantir o distanciamento adequado entre os candidatos.

No entanto, a UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) encaminhou um documento ao Inep informando que as salas de suas instalações têm ocupação de 80%. A instituição diz que a condição para ceder os espaços foi de que seria respeitado o limite de 40%, o que não ocorreu.

A universidade diz ter comunicado o Inep sobre a situação na terça-feira (12) e que não recebeu resposta até agora.

Questionado pela Folha de S.Paulo sobre a alegação de que mentiu às instituições, o Inep disse apenas que "não comenta processos em tramitação judicial."

"Prezando por suas convicções quanto aos riscos cada vez maiores em torno do contágio e diante da gravidade da situação pandêmica, a UFSC enviou, na quinta-feira (14), ofício às Secretarias Municipal e Estadual da Saúde e ao Ministério Público Federal em Santa Catarina, alertando sobre a situação identificada e destacando o risco iminente de haver uma concentração de pessoas em um mesmo espaço físico por longo período."

Segundo o defensor público João Paulo Dorini, que ingressou com a ação, a situação relatada pela UFSC deixa evidente que o Inep mentiu para a Justiça Federal.

"Disso decorre duas gravíssimas consequências: a necessidade de revisão de uma decisão

judicial fundada na clara alteração da verdade dos fatos, e a constatação de que os réus faltaram com a lealdade processual que deles se espera e que devem ser considerados litigantes de má-fé", diz o defensor no processo em que pede anulação da decisão que manteve o Enem.

Alagoinhas, Camaçari, SAJ e Valença têm 100% de ocupação nas UTIs para Covid-19

Alagoinhas, Camaçari, SAJ e Valença têm 100% de ocupação nas UTIs para Covid-19

Os municípios de Alagoinhas, Camaçari, Santo Antônio de Jesus e Valença não têm mais vagas de UTI para o tratamento de adultos com Covid-19, segundo dados divulgados pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesab). As quatro cidades possuem apenas um hospital, cada uma, com leitos de terapia intensiva reservados para pacientes com o novo coronavírus. Com isso, novos contaminados em estado grave terão que ser deslocados para outras cidades.

 

Em Alagoinhas, na região nordeste do estado, há apenas oito leitos de UTI no Hospital Regional Dantas Bião. Todos ocupados. Nenhum paciente está fazendo uso de ventilação mecânica neste momento.

 

Na Região Metropolitana de Salvador, Camaçari tem 10 leitos de terapia intensiva reservados no Hospital Santa Helena. Todos ocupados por pacientes com Covid-19. Entre eles, três estão fazendo uso de respiradores.

 

No Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, as três unidades de terapia intensiva reservadas para adultos com Covid-19 estão ocupadas. Nenhum deles com ventilação mecânica.

 

Por fim, Valença, no Baixo Sul, tem 10 leitos de UTI reservados no Hospital Dr. Heitor Guedes de Melo, com 100% de ocupação. Cinco pacientes respiram com ajuda de ventilação mecânica.

 

A Bahia, de forma geral, tem 73% de ocupação dos leitos de terapia intensiva exclusivos para o tratamento de adultos com Covid-19. As regiões nordeste, com unidades concentradas em Alagoinhas, e sul, com UTIs contratadas em Ilhéus, Itabuna, Jequié e Valença, têm a pior situação, com 100% e 90% de vagas ocupadas, respectivamente.

Senador promove festa com aglomeração em meio a fase grave da pandemia em Roraima

Senador promove festa com aglomeração em meio a fase grave da pandemia em Roraima

O senador Telmário Mota (Pros) promoveu uma festa com aglomeração na noite dessa sexta-feira (15) na Praça do Grêmio, no Centro de Rorainópolis, ao sul de Roraima. O evento ocorreu após a Secretaria Estadual da Saúde anunciar que Roraima vive a fase grave da pandemia O município está próximo à divisa com o Amazonas, onde houve um aumento de casos da Covid-19 e a rede hospitalar entrou em colapso. As informações são do portal G1.

 

Imagens feitas por uma emissora de TV local registraram o senador no palco sem o uso de máscara e sem respeitar nenhuma regra de distanciamento social. Tanto a prefeitura do município de Rorainópolis quanto Telmário Mota foram procurados, mas não se pronunciaram sobre o ocorrido.

 

O evento ocorreu com sorteio de brindes à população. Foram distribuídas numerações às pessoas para que pudessem concorrer aos prêmios. Em um panfleto de divulgação da festa, Telmário trata o evento como uma "prestação de contas do senador".

 

A Polícia Militar (PM) disse que entre 1,5 mil e 2 mil pessoas estiveram no local, mas não foi oficializado nenhum pedido para que os agentes realizassem policiamento no local.

Anvisa decide neste domingo sobre uso emergencial de vacinas do Butantan e Fiocruz


Anvisa decide neste domingo sobre uso emergencial de vacinas do Butantan e Fiocruz

Diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se reúnem neste neste domingo (17), em Brasília, para analisar os pedidos de autorização temporária de uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19. A Coronavac, fabricado e desenvolvido pelo Instituto Butantan, em conjunto com a farmacêutica chinesa Sinovac; e o da vacina da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), desenvolvida pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, em parceria com o laboratório AstraZeneca.

 

A reunião extraordinária será feita pela diretoria colegiada do órgão, formada por cinco integrantes Antonio Barra (Diretor-presidente), Meiruze Freitas, Cristiane Jourdan, Romison Mota e Alex Campos.  A análise terá início às 10h. A previsão é de que a reunião dure cerca de cinco horas.

 

A decisão da diretoria é feita por maioria simples, ou seja, de cinco diretores, três votos a favor ou contra definem o resultado, informou a Anvisa.

 

A reunião começa com a abertura da diretora relatora do tema. A diretora Meiruze Freitas é a relatora dos dois pedidos de uso emergencial em análise na Anvisa.  

 

Depois da abertura da pauta, os especialistas fazem uma apresentação das análises técnicas de cada uma das vacinas.  

 

Três áreas técnicas farão apresentação: a área de medicamentos, que avalia os estudos clínicos e de eficácia e segurança; a área de certificação de Boas Práticas de Fabricação, que verifica se os locais de fabricação da vacina têm condições adequadas; e a área de monitoramento de eventos adversos, que monitora e investiga depois da vacinação se as pessoas tiveram alguma reação à vacina.  

 

Após os pareceres técnicos, a relatora lê o voto e em seguida os demais diretores votam um a um, concordando ou discordando do voto da relatora. 

 

O resultado é anunciado pelo diretor-presidente da Agência no final da reunião. 

 

A decisão passa a valer a partir do momento em que houver a comunicação oficial ao laboratório.  

 

A decisão será publicada no portal da Anvisa, no extrato de deliberações da Diretoria. Não há necessidade de publicação no Diário Oficial da União.

Coronel Adson Marchesini é o novo comandante-geral do Corpo de Bombeiros da Bahia

[Coronel Adson Marchesini é o novo comandante-geral do Corpo de Bombeiros da Bahia ]

Francisco Luiz Telles de Macêdo foi exonerado do cargo em mudança publicada no Diário oficial do Estado neste sábado

O coronel Adson Marchesini é o novo comandante-geral do Corpo de Bombeiros da Bahia. O governador Rui Costa exonerou o coronel Francisco Luiz Telles de Macêdo do cargo, em mudança publicada hoje (16) no Diário oficial do Estado.

Marchesini, que assume o cargo a partir de terça-feira (19), é o atual comandante de Operações de Bombeiros Militares da Capital e Região Metropolitana de Salvador, parte da estrutura da Secretaria da Segurança Pública. 

Na última semana, também foram feitas alterações nos comandos da Secretaria de Segurança Pública e da Polícia Militar.

Bahia registra mais 31 mortes e 5.832 casos de Covid-19 em 24h

[Bahia registra mais 31 mortes e 5.832 casos de Covid-19 em 24h]Números se mantém em alta durante segunda onda da pandemia de coronavírus

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) informou a Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 31 mortes e 5.832 casos de Covid-19 em todo o estado. A informação consta no boletim mais recente da pasta, divugado hoje (16). A taxa de crescimento da doença é de 1,1%. Também foram registrados 3.987 recuperados da Covid-19.

O total de registros em 24 horas superou o contabilizado de ontem, passando a ocupar o segundo dia com maior número de confirmações em 24 horas desde o início da pandemia. O recorde do número de casos, dentro de um dia, ocorreu em 22 de julho, quando foram totalizados 6.401 casos. 

De acordo com a Sesab, isto é reflexo, sobretudo, das festas e aglomerações ocorridas no final do ano e da retomada das notificações por parte de alguns municípios que tiveram as equipes de vigilância reestruturadas devido às novas gestões.

Dos 534.371 casos confirmados desde o início da pandemia, 512.176 já são considerados recuperados e 12.589 encontram-se ativos. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 9.606, representando uma letalidade de 1,80%.

Polícia impede arremesso de 215 latas de cervejas para presos na Mata Escura

[Polícia impede arremesso de 215 latas de cervejas para presos na Mata Escura] 

Cachaças, acarajés, abarás e garrafas de vinho seriam destinadas a detentos do Complexo Penitenciário da região

O Batalhão de Guardas (BG) da Polícia Militar impediu o arremesso de 215 latas de cervejas que seriam lançadas para o Complexo Peniteciário de Mata Escura, em Salvador. A carga seria jogada para os detentos, mas acabou apreendida no início da manhã de hoje (16). Em rondas, as equipes avistaram algumas sacolas nas proximidades de uma das guaritas. Durante verificação, os policiais encontraram os materiais escondidos, em embalagens de formato oval.

Além das cervejas, foram localizados também 63 garrafas de cachaça, acarajés, abarás, seis garrafas de refrigerantes, 50 garrafas de vinho, carnes, temperos, dois cocos secos, três lâmpadas, creme dental, seis pacotes de macarrão e três quilos de feijão.

Em meio à segunda onda de Covid-19, Enem 2020 é aplicado neste domingo; saiba mais


[Em meio à segunda onda de Covid-19, Enem 2020 é aplicado neste domingo; saiba mais]Uso de máscara é obrigatório para os estudantes; primeiro dia terá provas de linguagens e ciências humanas, além da redação

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 começa hoje (17) e será aplicado para 5,78 milhões de candidatos confirmados, em meio à alta no número de casos de coronavírus. Apenas o estado do Amazonas, que vive um colapso no sistema de saúde, não terá a aplicação da prova neste domingo. Os 160 mil candidatos amazonenses farão a prova em 23 e 24 de fevereiro.

Segundo o consórcio de veículos de imprensa, até as 20h de sexta (15), quinze estados registravam alta nas mortes: AL, AM, AP, CE, GO, MG, MT, PE, PI, PR, RJ, RR, SE, SP, e TO. Eles somam 3,6 milhões de inscritos no Enem 2020.

Considerado o maior vestibular do país, o Enem tem sido alvo de disputas judiciais devido à pandemia. A prova seria aplicada em novembro de 2020, mas foi adiada para janeiro deste ano, mesmo após enquete com participantes indicar o mês de maio de 2021 como a opção mais votada pelos estudantes. O governo alega que a prova em maio atrasaria o cronograma de outros programas de ingresso no ensino superior.

Neste ano, a abertura dos portões será meia hora mais cedo, às 11h30, para evitar aglomerações. O uso de máscara é obrigatório.
No primeiro dia de Enem, os estudantes farão as provas de linguagens e ciências humanas, além da redação. O tempo total de prova é de cinco horas e trinta minutos.

Leia mais:

Governo do Amazonas confima suspensão do Enem

Salvador reforça linhas de ônibus para dias do Enem; confira


Cronograma

  • 11h30: abertura dos portões (meia hora mais cedo neste ano para evitar aglomerações)
  • 13h: fechamento do portão
  • 13h30: começa a prova. Duração de 5h30 (este domingo) e 5 horas (dia 24)
  • 15h30: o aluno pode sair da prova, mas não pode levar o caderno de questões
  • 18h30 (este domingo) e 18h (dia 24): o aluno pode sair da prova com o caderno de questões
  • 19h (este domingo) e 18h30 (dia 24): fim da prova

Regras

  • A máscara é obrigatória. Recomenda-se levar duas, sendo uma para troca. A retirada só pode ser feita para a substituição ou alimentação, mas o candidato pode permanecer na sala. O estudante pode ser eliminado se não estiver com máscara
  • A prova só pode ser feita com caneta preta, esferográfica, fabricada em material transparente
  • O acesso ao local de prova só é feito com documento de identificação original e com foto: identidade, carteira de registro nacional migratório, carteira de trabalho, certificado de reservista, passaporte e carteira de motorista (CNH). Se o documento tiver sido roubado ou furtado, pode ser apresentado o boletim de ocorrência expedido há no máximo 90 dias. Vias digitais ou cópias autenticadas não serão aceitas.
  • A identificação será feita do lado de fora das salas, para evitar aglomeração
  • Telefones celulares e quaisquer equipamentos eletrônicos devem ser desligados e guardados em um envelope lacrado, que permanecerá debaixo da carteira. A lista inclui: calculadoras, agendas eletrônicas, tablets, ipods, gravadores, pen drive, relógio, chaves com alarme, fones de ouvido e gravadores.
  • Durante a aplicação do exame, se algum aparelho, mesmo que devidamente guardado, emitir som, o candidato será eliminado.
  • Lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borracha, régua, corretivo, livros, manuais e anotações são proibidos.
  • Qualquer dispositivo que receba imagens, vídeos ou mensagens é vetado.
  • Óculos escuros, bonés, chapéus, viseiras ou gorros não são permitidos.

sábado, 16 de janeiro de 2021

Ex- Testemunha de Jeová e ex- Mormóm relatam lavagem cerebral das seitas

NAZARÉ: Veja a história do importante município, formado às margens do rio Jaguaripe

 


A partir da segunda metade do século XVI, colonizadores portugueses adentraram na região, na qual surgiria o município de Nazaré. Antes, porém, a região era ocupada por aldeias de tribos indígenas da etnia tupinambá. Fernão Cabral de Ataíde povoou a margem direita do rio Jaguaripe, recebendo esta a denominação de Sesmaria de Jaguaripe.

Fernão Cabral de Ataíde viera de Portugal para a Colônia na década de 1560, com idade entre 25 e 30 anos. Acompanhado de sua mulher D. Margarida da Costa, nascida em Moura, e seus sogros: Manoel da Costa e Beatriz Lopes de Gouveia. Deixando no Reino um filho por nome de Manoel Cabral.

Fernão Cabral nasceu na pequena cidade de Silves, no ano de 1541, na região do Algarve, considerado o segundo reino da Coroa Portuguesa. Silves chegou a ser a capital do Reino Algarviense e a sede do episcopado por vários séculos, até ser substituída no âmbito político-econômico por Faro, no século XVI, mesmo século em que Fernão vem residir no Brasil. Da sua ascendência, disse ser filho de Diogo Fernandes Cabral e de Ana de Almada, além de ter tido um avô, que não conheceu, por nome de Fernão Cabral.

Possuía dois irmãos do primeiro casamento de seu pai: D.Violante Cabral e Manoel Dias Cabral. Do segundo casamento de Diogo Fernandes Cabral com D. Ana Alcaceya, tivera mais três irmãos, Frei Paulo da Gama, Nuno Fernandes Cabral e D. Joana Cabral.

Do seu matrimônio com D. Margarida da Costa, teve sete filhos. Seu primogênito, Manoel Cabral, ficou em Portugal. Em 1591, sua segunda filha Beatriz Cabral era casada com o Desembargador de sua majestade e provedor-mor dos defuntos e ausentes, Ambrósio Peixoto de Carvalho e deu-lhe um neto, cujo nome era Fernão Peixoto; os outros filhos foram Diogo Fernandes Cabral, ainda solteiro; D. Ana de onze anos; D. Francisca de nove anos, Bernardo Cabral e Nuno Fernandes Cabral, ambos de pouca idade.

Para traçar uma biografia de Fernão Cabral, embora um tanto acidentada, por ficarem algumas lacunas, tem-se como fonte principal o seu envolvimento com a Inquisição, no que resultou no quarto maior processo da primeira Visitação do Santo Ofício ao Brasil. Longo também, em se tratando de período de tempo, gerando 265 folhas manuscritas, vale salientar, que os processos inquisitoriais só são numerados a parte da frente da folha, contendo conteúdo também em seu verso. Nele, encontramos traços do seu temperamento e condição social, também encontramos menção a seu nome, nos escritos do Padre José de Anchieta; do Reitor do Colégio da companhia de Jesus, Fernão Cardim; Frei Vicente do Salvador e nos escritos de Gabriel Soares de Souza.

A primeira notícia que se tem é dada por Anchieta ao trasladar o auto da luta de Fernão Cabral com os jesuítas inacianos. O auto de um requerimento foi lavrado no ano de 1571, pelo tabelião Diogo Ribeiro, na época o Senhorio contava com 30 anos de idade. Na década seguinte, em 1580, encontramos os seus feitos relatados por Frei Vicente do Salvador, o capucho, que relata o levante dos índios Aimorés, contra os quais o governador da época, Manoel Teles Barreto, ordenou que fosse Diogo Correa de Sande e Fernão Cabral de Ataíde, por possuírem muitos escravos e aldeias de índios forros, ao encontro dos Tapuias, maneira pela qual os Tupis chamavam os Aimorés. Vicente do Salvador termina a descrição do fato dizendo que poucos Aimorés morreram e que alguns gentios de Jaguaripe foram mortos a flechados.

Gabriel Soares de Souza, Senhor de Engenho que escreveu o “Tratado Descritivo do Brasil em 1587”, e tinha a sua fazenda bem próxima a de Fernão Cabral, enaltece o engenho de Cabral, afirmando ser este um dos mais ricos do Recôncavo.

Em relação as suas terras, para saber como as conseguiu, precisa-se remontar ao período do governador Duarte da Costa. Com a volta do governador Tomé de Souza para o Reino, assumiu o cargo como governador D. Duarte da Costa. Nesse período, vários foram os levantes indígenas. Contra estes, o governador enviou seu filho D. Álvaro de Costa, como Capitão, para frear os gentios, por tal empreitada foram concedidas a este último, pelo rei D. João, no ano de 1566, uma banda das terras entre o Rio Paraguaçu e o Rio Jaguaripe, mais o título de Capitão General e de Governador da Capitania do Paraguaçu.

Gabriel Soares de Souza afirma que as terras pertencentes a D. Álvaro da Costa, descendo sobre a mão direita do Rio Paraguaçu, estavam povoadas por muitos moradores, porém nenhum engenho, mas descendo o rio encontravam-se várias fazendas. No seu lado direito, o engenho de Lopo Fernandes e a capela de Nossa Senhora da Graça, em seu lado esquerdo o engenho de Antonio Adorno. Antes de chegar ao Rio Jaguaripe, as terras já eram totalmente despovoadas, provavelmente devido ao valor do foro cobrado por D. Álvaro da Costa.

Descendo o Jaguaripe até uma cachoeira que estava a cinco léguas da barra. Junto a esta cachoeira, sobre a mão direita do rio, se encontrava o Engenho de água de Fernão Cabral de Ataíde, construído nas terras do rei, portanto livre de todo o foro e do domínio de D, Álvaro da Costa, não tendo nenhum tipo de ligação com as terras deste.

O também Senhor de engenho Gabriel Soares e vizinho de Fernão Cabral, descreve o engenho como uma obra muito formosa e ornada de nobres edifícios, casas de vivenda, oficinas e uma capela dedicada a São Bento, além do casarão do próprio Cabral. Seria um engenho hidráulico, um dos mais caros para o século XVI.

A residência seria, então, o sobrado (ou casa grande), da Fazenda, a data existente na fachada é de 1585. Era um casario imponente, de dois pavimentos, o da parte térrea atingia metade da área construída. Havia largos cômodos amparados por colunas grossas e uma arcada sob a escada que dava ingresso ao primeiro pavimento. No andar, digamos nobre da edificação, na parte da frente, surgem duas amplas salas e, no tocante ao que resta do pavimento, se encontram sete quartos com inúmeras janelas, exceto um, o cômodo central. Ao todo possuía 32 janelas, duas portas de acesso pela frente e uma porta lateral. Por mais rudimentar que fosse, oferecia amplas acomodações além de possuir uma ampla vista de todo o engenho e leito do Rio Jaguaripe.

Quanto ao seu envolvimento com a Inquisição, a principal denúncia contra Fernão Cabral, faz menção a sua participação e proteção à Santidade do Jaguaripe, santidades eram idolatrias gentílicas insurgentes. A santidade do Jaguaripe era uma santidade Tupinambá, surgida entre 1580 e 1585 e guiada a Sesmaria do Jaguaripe, onde seria destruída meses depois a mando de Manoel Teles Barreto, governador-geral na época. A Santidade do Jaguaripe, formada, na fazenda de Fernão Cabral, tendo este levantado uma “Igreja” para os ídolos dos gentios, também chamada como “Nova Jerusalém”.

A santidade foi destruída em 1585, mas abusão ameríndia, ainda participava da vida de Fernão Cabral, levando o senhorio, seis anos depois, aos cárceres do Tribunal do Santo Ofício no Brasil.

Heitor Furtado de Mendonça, Visitador do Santo Ofício, chegou a Colônia em julho de 1591, instaurando o Período de Graça. Fernão Cabral de Ataíde se confessou por livre vontade no dia 2 de agosto, mas em setembro de 1591, tentando fugir com sua família e pertences embarcado na Urca Flamenga que iria partir para Lisboa, foi preso pelo notário do Sato Ofício Manoel Francisco e teve seu processo iniciado.

O mandado é datado de 18 de setembro de 1591, mas a prisão só foi efetuada no dia seguinte, Fernão Cabral foi colocado nas casinhas do Colégio dos jesuítas em Salvador, que funcionavam como cárceres no período em que o Santo Ofício esteve no Brasil. Permanecendo ali ao longo do seu processo até que foi sentenciado a 20 de agosto de 1592. Foi condenado à abjuração de Levi suspeita na fé, pagamento de mil cruzados para as despesas do Santo Ofício, ao degredo para fora do Brasil, mas não especificando onde, mais penitências espirituais.

Os motivos das denúncias realizadas contra Fernão Cabral foram: Participação e consentimento da Santidade do Jaguaripe, mandar matar uma índia cristã, queimada viva em sua fornalha; acometer a comadre Luisa D’Almada a ter relação sexual com ele dentro da Igreja de sua Sesmaria; desrespeito ao clero e ao sacramento, apadrinhar o matrimônio de um bígamo, ser judeu novo; praticar sodomia com uma índia virgem; louvar fornicações e aceitar em suas terras uma feiticeira.

O senhorio foi solto antes de cumprir o degredo, em 10 de setembro de 1592, através do “instrumento público da fiança” para que em termo de seis meses fosse degredado. O fiel carcereiro de Fernão Cabral foi Pero Besatto, morador em Salvador. Desconhecemos a data correta de sua partida, mas em abril de 1593, já se encontrava em Lisboa.

Não se tem notícia do retorno de Fernão Cabral para a Colônia ao findar o seu degredo. Sobre os seus bens, suas terras – região onde hoje é Nazaré – muito provavelmente ficaram sob a guarda do seu genro, Ambrósio Peixoto de Carvalho, por serem os seus filhos ainda moços. Fernão Cabral desapareceu dos manuscritos inquisitoriais em 1594. Mas deixa sua história, imbricada na história do município de Nazaré.

Enquanto Fernão Cabral deixa sua presença na história da Sesmaria de Jaguaripe, que ficava na margem direita do rio. Na margem esquerda, e durante o século XVII, as terras doadas anteriormente a Pero Carneiro passam para Antônio de Brito, local onde este estabelece um engenho e sua moradia, constituindo a Fazenda Nossa Senhora de Nazaré e Jaguaripe, construindo também uma capela, sob a licença do Bispo D. Pedro Silva.

Segundo a tradição oral, a construção da capela foi ocasionada pela aparição a uma camponesa, da Virgem de Nazaré, desencadeando inúmeras romarias. Além da promessa feita por Antônio de Brito, ao ter a graça de ver seu filho salvo ao cair de uma embarcação, atribuindo o milagre a Santa. Na portada da Igreja, consta o ano de 1649. Como na maioria dos povoados desse período, em torno da capela, formou-se a povoação denominada Nazaré.

No ano de 1753, o povoado é elevado à freguesia, a qual, em 1831, pelo desenvolvimento é promovida a categoria de Vila, com a denominação de Vila de Nossa Senhora de Nazaré, ao mesmo tempo em que tem desmembrado de seu território, a região de Jaguaripe. Anos mais tarde, em 10 de novembro de 1849, pela Resolução Provincial de Nº 368, a Vila torna-se um município, com a denominação de Constitucional Cidade de Nazaré.


foto e fonte: IBGE/ Atlas do Desenvolvimento Humano


NAZARÉ: Unidade de Saúde da Família MURITIBA I, localizada no Jacaré, continua com funcionamento estendido ( VEJA )

 



A Unidade de Saúde da Família MURITIBA I, localizada no Jacaré, continua com funcionamento estendido. 🏥

A USF está seguindo o modelo de implantação do Programa Saúde na Hora, atendendo à demanda espontânea da população nazarena!

Funcionamento:

SEXTAS E SÁBADOS: 🕗 das 7h00 às 19h00

#PrefeituraDeNazaré #GovernoUmaNovaHistóriaDeTrabalho

fonte ASCOM 



Prefeito de Vitória da Conquista apresenta melhora e deixa UTI

 [Prefeito de Vitória da Conquista apresenta melhora e deixa UTI]


Herzem Gusmão está internado com coronavírus no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo



O prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), de 72 anos, deixou a UTI após apresentar melhora no seu quadro de saúde. Ele está internado com coronavírus no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. A informação foi divulgada ontem (14) pelo filho do gestor, o médico Danilo Gusmão, nas suas redes sociais.

De acordo com o comunicado, Herzem está agora na Unidade de Terapia Semi-intensiva e está utilizando uma baixa quantidade de oxigênio, apresentando, a cada dia, um avanço clínico.

O prefeito do município do interior baiano foi diagnosticado com a doença no início de dezembro. Ele foi inicialmente internado no Hospital Samur, em Vitória da Conquista, com complicações pulmonares.

A sua cerimônia de posse, após reeleição, foi feita virtualmente no dia 8 de janeiro. Durante o seu tratamento, a cidade é gerida pela vice-prefeita Sheila Lemos (DEM).