quarta-feira, 6 de janeiro de 2021

Após Inglaterra, Alemanha também amplia lockdown até o fim de janeiro


[Após Inglaterra, Alemanha também amplia lockdown até o fim de janeiro ]No Brasil, o neurocientista Miguel Nicolelis alertou que o país deve entrar em lockdown nacional imediatamente ou "não daremos conta de enterrar os mortos em 2021"

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, anunciou hoje (5) que o país vai ampliar o lockdown em todo o território até o fim de janeiro devido aos números ainda muito altos de casos e de mortes pelo coronavírus.

Também nesta terça, a Inglaterra e a Escócia entraram em mais um lockdown — países do Reino Unido foram os mais atingidos pela variante do coronavírus. A população está autorizada a sair de casa apenas em caso de necessidades médicas, compra de alimentos, prática de exercício físico e trabalho presencial indispensável.

No Brasil, o neurocientista Miguel Nicolelis, coordenador do Comitê Científico de Combate ao Coronavírus do Consórcio Nordeste, usou ontem (4) as redes sociais para alertar sobre o avanço da Covid-19 no país. Segundo ele, é necessário entrar em lockdown nacional imediatamente ou "não daremos conta de enterrar os mortos em 2021".

Nenhum comentário:

Postar um comentário