segunda-feira, 15 de março de 2021

‘Não estou doente e continuo ministro’, diz Pazuello sobre saída do Ministério da Saúde


‘Não estou doente e continuo ministro’, diz Pazuello sobre saída do Ministério da Saúde

Envolto em rumores de que vai deixar o cargo, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, garantiu neste domingo (14) que continua na pasta “até o presidente pedir o cargo”. 

 

Reportagem publicada pelo jornal O Globo afirma que Pazuello pediu demissão a Bolsonaro, alegando problemas de saúde . “Não estou doente. Continuo como ministro até o presidente pedir o cargo. Minha missão continua sendo salvar vidas”, afirmou à CNN Brasil.

 

Bolsonaro se reuniu na tarde deste domingo, em Brasília, com a cardiologista Ludhimila Hajjar, cotada para substituir o general no cargo. Mas, segundo a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, a conversa foi inclusiva. Ainda conforme a publicação, Pazuello teria participado do encontro e apoiou o nome da médica como sua substituta. 

 

Nos bastidores, a saída de Pazuello é dada como certa, faltando apenas decidir quando e quem ocupará a cadeira. O ainda ministro é alvo de crescente pressão de deputados do Centrão, que cobra mudanças no comando da pasta por causa da má gestão durante a pandemia. Para o bloco, a permanência de Pazuello no ministério é insustentável. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário