OLIMPÍADAS


domingo, 9 de maio de 2021

Depressão o mal do século; Por Marcius Pirôpo

 
Segundo especialistas, depressão é uma doença psiquiátrica crônica que tem como sintomas tristeza profunda, perda de interesse, ausência de ânimo e oscilações de humor. Muitas vezes é confundida com ansiedade e pode levar a pensamentos suicidas. Assim, é essencial diagnosticar a doença e iniciar acompanhamento médico.

Com a chegada da pandemia em 2020, muitos profissionais tiveram suas vidas totalmente modificadas devido mudanças oriundas do lockdown ( clausura, isolamento, afastamento do convívio social ), creches e escolas  fechadas, academias fechadas, igrejas fechadas, empresas de diversos segmentos acabaram falindo por não ter capital financeiro para suportar os momentos de portas fechadas.

Muitos tiveram que se reinventar; Mudar de profissão, investir em outras extratégias para prover o seu sustento e de sua família.

E a depressão achou uma larga porta aberta, após a tristeza profunda entrar no coração dos endividados, dos desempregados e dos famintos.

É comum presenciarmos os que não acreditam na depressão, porém devemos entender que depressão é uma doença e tem cura; Porém é uma doença tão devastadora que acontece até com pessoas prósperas financeiramente.

É uma doença silenciosa, que pode atingir pessoas muito próximas e nós não conseguimos enxergar e quando recebemos a notícia de um suicídio já é tarde demais.

Por isso não julgue, ninguém sabe como anda o relacionamento conjugal ou profissional de uma pessoa, cada um sabe da sua dor. Cabe a todos nós, tratarmos a todas as pessoas com respeito e cordialidade. Além da depressão ser o mal do século, os relacionamentos interpessoais, também estão em crise.

Segundo especialistas existem vários sintomas que podemos perceber se uma pessoa está ou não depressiva VEJA 13 deles: 


Então, se você tem experimentado alguns dos seguintes sinais e sintomas a maior parte do dia, quase todos os dias, durante pelo menos duas semanas, você pode estar sofrendo de depressão:

  1. Humor triste, ansioso ou “vazio” persistente;
  2. Sentimentos de desesperança, luto ou pessimismo
  3. Irritabilidade
  4. Sentimentos de culpa, inutilidade ou desamparo
  5. Perda de interesse ou prazer pela vida, hobbies e atividades
  6. Diminuição da energia ou fadiga
  7. Mover ou falar mais devagar
  8. Sentir-se inquieto ou ter problemas para ficar sentado
  9. Dificuldade de concentração, lembrança ou tomada de decisões
  10. Dificuldade para dormir, despertar de manhã cedo ou dormir demais
  11. Apetite e / ou alterações de peso
  12. Pensamentos de morte ou suicídio, ou tentativas de suicídio
  13. Dores, dores de cabeça, cólicas ou problemas digestivos sem uma causa física clara e / ou que não se aliviam mesmo com o tratamento.

Fiquem atentos aos sintomas e seja com você ou com seu próximo, procure ajuda médica, não permita que essa doença vença.


Por Marcius Pirôpo ...fonte de pesquisa site virtude

Nenhum comentário:

Postar um comentário