OLIMPÍADAS


sábado, 3 de julho de 2021

Erlon não se recupera e baiano Jacky Godmann fará dupla com Isaquias Queiroz em Tóquio

 


Erlon não se recupera e baiano Jacky Godmann fará dupla com Isaquias Queiroz em Tóquio

O canoísta Erlon Souza, medalhista olímpico na Rio-2016, não se recuperou das lesões e está fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Para seu lugar, a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) convocou outro baiano, Jacky Godmann para formar dupla com Isaquias Queiroz, dono de três medalhas olímpicas, na prova do C2 1000m no Japão.

 

Atleta de Itacaré, Jacky Godmann já havia sido parceiro de Isaquias, inclusive subindo ao pódio na conquista do terceiro lugar na C2 1000m na Copa do Mundo, que aconteceu em Szeged, na Hungria, em meados do último mês de maio. Os dois vão brigar por medalha na capital japonesa.

 

O corte de Erlon Souza foi uma decisão pela equipe médica do Comitê Olímpico do Brasil. Ele estava em processo de tratamento de lesão e não estará apto para os Jogos Olímpicos, como explica Ana Caroline Corte, coordenadora médica do COB.

 

"Erlon iniciou um quadro de dor no quadril esquerdo em março de 2020. Na ocasião, o atleta realizou exames de Ressonância Magnética, que indicaram a diminuição na vascularização no fêmur, acarretando lesão no quadril. Depois do diagnóstico, foi iniciado tratamento fisioterápico e medicação com anti-inflamatórios, entre outros. Após diversas tentativas, a orientação médica passou a ser a intervenção cirúrgica para sanar o problema e possibilitar a sua continuidade na carreira esportiva", afirmou.

 

Além de Isaquias e Jacky, a CBCa também convocou o paranaense Vagner Junior Souta. A delegação brasileira da canoagem embarca para Portugal no próximo 10 de julho para um período de treinamentos em Mortágua. Oito dias depois, a equipe segue para o Japão. As disputas olímpicas da canoagem acontecerão entre 2 e 7 de agosto.


Isaquias e Jacky serão dupla em Tóquio | Foto: Divulgação / CBCa

Nenhum comentário:

Postar um comentário