OLIMPÍADAS


quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Santa Casa de Nazaré reinaugura serviços de fisioterapia da instituição





_Ala passou a oferecer serviços como terapias pós Covid-19_


A Santa Casa de Misericórdia de Nazaré reinaugurou, nesta terça-feira (21), os serviços de fisioterapia da instituição. Com melhorias estruturais e instalação de novos equipamentos, o hospital, que já realizava atendimentos ambulatoriais para reabilitação motora, atendimentos de pós-operatório de ortopedia, passou a oferecer também terapias para pacientes pós Covid-19 e terapias complementares, como Reiki e Auriculoacupuntura. 


Os serviços de fisioterapia são realizados por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Uma das fisioterapeutas da Santa Casa de Nazaré, Nathássia Fernandes, formada em fisioterapia neurofuncional, pediátrica, UTI e osteopatia, ressalta que a implementação das terapias complementares pode ajudar na rotatividade dos atendimentos, influenciando em uma recuperação mais rápida dos pacientes: “É um trabalho bem integral por não olhar só uma parte, só o local da dor. É um trabalho de avaliação integrada. Por vezes, a causa da dor não está somente no local da dor”.


Durante a cerimônia de reinauguração, realizada de forma simbólica devido a pandemia, Taíse Prazeres, também fisioterapeuta da Santa Casa de Nazaré, agradeceu o empenho de toda instituição para a reinauguração do espaço: “Da diretoria até aos colaboradores da Santa Casa, todos se empenharam para oferecer à população um serviço bem equipado, que proporciona aos profissionais da áreas todas as condições possíveis de trabalho”.


O atendimento para os serviços é realizado de segunda à sexta-feira, das 07h às 12h e das 13h às 18h. Luís Henrique Prazeres Costa, provedor do hospital, conta que esta é a primeira grande melhoria da clínica de fisioterapia desde a sua instalação, em 1980. “A Santa Casa de Nazaré trabalha para cada vez mais oferecer um atendimento humano e integral. A implementação das terapias complementares da fisioterapia, que serão oferecidas pelo SUS, é a prova do compromisso da instituição em oferecer um serviço de saúde mais completo e humanizado à população”, finaliza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário