Últimas Notícias

Sobrevivente de 91 anos do Holocausto morre de frio em cerco a Mariupol

Vanda Semyonovna Obedkova se protegia do certo em um porão.



Uma sobrevivente do Holocausto, de 91 anos, morreu de frio enquanto se abrigava dos ataques da Rússia contra a região de Mariupol, na Ucrânia. Vanda Semyonovna Obedkova se protegia do certo em um porão. Sua morte aconteceu em 4 de abril, segundo sua filha.

Sem aquecimento ou com acesso à água, o porão em que Obedkova se protegia era parecido com o que ela, aos 10 anos, e sua família se escondiam dos nazistas.

O Holocausto foi o extermínio sistemático de milhões de judeus durante a Segunda Guerra Mundial.

Os detalhes foram comentados por Larissa, filha de Vanda, em uma entrevista ao portal Charbad.org.

"[No porão em Mariupol] não havia água, eletricidade ou aquecimento, e estava insuportavelmente frio", disse Larrissa, que estava com a mãe se protegendo em Mariupol.

"Toda vez que uma bomba caía, o prédio inteiro tremia", disse. "Minha mãe ficava dizendo que não se lembrava de nada assim durante a Segunda Guerra".

Obedkova é a segunda sobrevivente do Holocausto que morre durante a guerra entre a Ucrânia e a Rússia.



Notícias ao minuto/UOL - Folhapress

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
header ads