Últimas Notícias

Polícia Civil da Bahia anuncia reestruturação operação com criação de novos departamentos e coordenações


A Polícia Civil anunciou a criação de novos Departamentos e Coordenações, já com diretores e coordenadores nomeados.. As estruturas proporcionarão o desempenho das atividades operacionais e administrativas da polícia judiciária da Bahia de forma mais moderna e adequada à realidade atual da Segurança Pública.

 

Na quarta-feira (12) e na quinta (13) foram publicadas algumas mudanças no Diário Oficial do Estado (DOE), com os dirigentes que ficarão à frente dos Departamentos e Coordenações. A maior reestruturação da Polícia Civil, desde a década de 70, teve a Lei Nº 14.580 de 02 de Junho de 2023, alterando a Lei Orgânica nº 11.370, de 04 de fevereiro de 2009, publicada no Diário Oficial do Estado, de 03 de junho deste ano. Conheça parte da nova estrutura da Polícia Civil da Bahia.

 

A Delegada-Geral Heloísa Campos de Brito pontua o significado desta nova fase da Polícia Civil. “A reestruturação da Polícia Civil tem grande abrangência e vai além de novas unidades, delegacias e outros equipamentos. São novos conceitos e estratégias que estão presentes em cada passo de uma das maiores transformações da história desta instituição bicentenária”, afirmou.

 

Para o combate ao tráfico de entorpecentes foi instituído o Departamento Especializado de Investigação e Repressão ao Narcotráfico (Denarc), liderado pelo delegado José Alves Bezerra Júnior. O Departamento de Proteção à Mulher, Cidadania e Pessoas Vulneráveis (DPMCV) tem como diretora a delegada Patrícia Barreto Oliveira. O Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) foi substituído pelo Departamento Especializado de Investigações Criminais (DEIC), que tem a frente o delegado Thomas Victor Rodrigues Galdino.

 

O Draco ganhou novo formato. Agora ele é o Departamento de Repressão e Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e à Lavagem de Dinheiro, que tem à frente a delegada Márcia Pereira dos Santos. A COE também mudou. A Coordenação de Operações e Recursos Especiais (CORE) tem à frente o delegado Marcos Cezar. Já a Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter), continua com a mesma nomenclatura e a diretora continuará sendo a delegada Francineide Moura de Oliveira.

 

A rede operacional também passa a contar com a Coordenação de Operações de Polícia Judiciária (COPJ), liderada pelo delegado Artur Fernando Guimarães. Sobre as questões fundiárias, foi instituída a Coordenação de Conflitos Fundiários (CCF), liderada pela delegada Giovanna de Andrade Bomfim.

 

Entre os órgãos de suporte operacional e administrativo está o Instituto de Segurança Pública, Estatística e Pesquisa Criminal (ISPE), liderado pelo delegado Omar Andrade Leal. Também o Departamento de Gestão Tecnológica, Telecomunicações e Inovação (DTIT), liderado por Leandro Sady Rodrigues. O Departamento de Gestão de Pessoas, Saúde e Valorização Profissional da Polícia Civil (DPSV), liderado pela delegada Bárbara Santos Lima, e a diretoria de Saúde do DPSV, pelo psicólogo Gessé de Souza Silva.

 

O Departamento de Planejamento, Administração e Finanças (Depaf), segue com o mesmo diretor, delegado Cristiano Marcos Pitangueira Mangueira. Aliado ao Depaf foi instituído o Departamento de Infraestrutura e Logística (Dilog), que tem à frente Laura Maria Moura. Ainda na administração foi instituída a Coordenação de Controle Interno (CCI), liderada por Andreza Caroline do Amaral. Outras estruturas ainda serão anunciadas, que irão impactar diretamente na melhoria do atendimento a população baiana.



bahianoticias.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS