Últimas Notícias

É TÃO BOM. É SALVADOR
É TÃO BOM. É SALVADOR

Pela 7ª rodada do Baianão Vitória vence Bahia de virada 3X2



Foto: Victor Ferreira ECV

 Seis anos após o fatídico 'Ba-Vi da Paz', quis o destino que o primeiro duelo entre ambas as equipes em 2024 acontecesse no dia 18/02, mesma data da partida que não terminou, lá em 2018. Válido pela 7ª rodada do Baianão de 2024, Vitória e Bahia ficaram frente a frente pela primeira vez no ano, e o vencedor foi o Leão da Barra, que venceu pelo placar de 3 a 2.

Faltando duas rodadas para o final da primeira fase do Campeonato Baiano, o Vitória chegou a 3ª colocação, igualando a pontuação do Bahia, 2ª colocado, com 13 pontos, mas ficando atrás na tabela por conta do saldo de gols. 

Primeiro tempo

Assim como a maioria dos clássicos, o Ba-Vi deste domingo, 18, começou muito truncado. No entanto, após falha na saída de bola do Bahia, a equipe comandada por Léo Condé recuperou a posse, e após belo cruzamento de Matheusinho para Alerrandro, na grande área, que encontrou espaço entre os zagueiros do Esquadrão e rolou a bola para Osvaldo, o camisa 11 não perdoou, abrindo o placar do jogo, logo aos 5 minutos da etapa inicial. 

O Bahia não se intimidou com o gol e quase igualou o placar aos 11 minutos, após cobrança de falta de Luciano Juba, que parou no travessão defendido pelo goleiro Muriel. Mas não demorou muito para o time de Rogério Ceni marcar, já que aos 15 minutos, depois de belo contra-ataque, Thaciano balançou as redes rubro-negras, deixando tudo igual no clássico. 

Após cerca de 10 minutos sem nenhuma chance de perigo, foi a vez do Vitória armar um belo contra-ataque com Matheusinho, que encontrou Osvaldo praticamente sozinho em direção à meta tricolor, e o camisa 11 perdeu grande oportunidade de ampliar o placar. Entretanto, foi o Tricolor de Aço que ampliou o placar. Por volta dos 42 minutos da primeira etapa, Luciano Juba encontrou o baixinho Éverton Ribeiro, dentro da pequena área rubro-negra, e o camisa 10 não perdoou, virando para o Bahia após marcar de cabeça.

Segundo tempo

Diferentemente do primeiro tempo, a segunda etapa começou mais morna, com ambas as equipes agindo com muita cautela. No entanto, em mais um contra-ataque, Matheus Gonçalves, que entrou no segundo tempo, encontrou Osvaldo sozinho no lado esquerdo da defesa do Bahia, mas o atacante mandou a bola por cima da trave do goleiro Adriel. 

Após longo período sem oportunidades claras para ambos os lados, mas de domínio territorial absoluto por parte do Vitória, o volante Rezende, que entrou no lugar do Thaciano, autor do primeiro gol do Bahia na partida, foi expulso aos 26 minutos do segundo tempo, ao tomar o segundo cartão amarelo, dando vantagem numérica para a equipe comandada por Léo Condé. 

Após muita pressão, o Leão da Barra conseguiu o empate no placar, mais uma vez com o camisa 11 rubro-negro, Osvaldo, que era um dos destaques do time na partida. Aos 36 minutos, mais uma grande chance para o Vitória, dessa vez com Rodrigo Andrade, que tentou surpreender o goleiro Adriel, mas o arqueiro tricolor estava ligado no lance. 

Logo em seguida, o Barradão foi à loucura. Isso porque após cobrança de escanteio de Matheusinho, o camisa 9 Alerrandro encontrou o fundo das redes, virando a partida para o Leão da Barra, aos 40 minutos da segunda etapa. 

Como se a situação já não fosse difícil o suficiente para o Bahia, Jean Lucas também foi expulso, deixando o tricolor com oito jogadores de linha.



informações: PIRÔPO NEWS e A Tarde 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Campanha Salvador Capital Afro
Campanha Salvador Capital Afro
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS