Últimas Notícias

É TÃO BOM. É SALVADOR
É TÃO BOM. É SALVADOR

SALVADOR: Sempre promove Curso de Gestão para Entidades de Idosos

Foto: Otávio Santos/Secom PMS 


A Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), em parceria com o Conselho Municipal do Idoso (CMI), promoveu, na manhã desta quarta-feira (20), a primeira Aula Magna do Curso de Gestão para Entidades de Idosos do município de Salvador. O evento aconteceu no auditório da Fundação Visconde de Cairu, nos Barris, conduzido pela Fundação César Montes (Fundacem).

 

A cerimônia de abertura reuniu cerca de 70 entidades cadastradas e foi iniciada com uma palestra ministrada pelo ex-presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa, Antônio Fernandes, com o objetivo de despertar melhores resultados na gestão das entidades, qualificando-as a possibilitar um melhor atendimento ao idoso na capital baiana. Uma apresentação dançante coreografada pelos idosos da Mansão do Caminho também abrilhantou o evento.

 

A formação está dividida em duas turmas, A e B, e acontece na modalidade híbrida, com carga horária de 100h, sendo 40h presenciais e 60h on-line. Durante a capacitação serão abordados temas como inclusão e diversidade; envelhecimento do idoso no Brasil; os direitos da pessoa idosa: a Constituição Federal, o Estatuto do Idoso e a Política Nacional do Idoso; rede de proteção ao idoso; situação de risco social; orientações sobre nutrição para idosos; gestão de recursos financeiros e outros.

 

Durante o discurso, o titular da Sempre, Júnior Magalhães, afirmou que é necessário avançar ainda mais na política do idoso na cidade de Salvador, e conceder uma oportunidade de capacitação para esse segmento é muito importante para que esse objetivo seja consolidado. “Hoje, 17% da população de Salvador é composta por idosos. Somos a cidade do Brasil que mais teve impactos do envelhecimento nos últimos dez anos, então isso nos leva a preocupação de como vamos proceder com políticas públicas para esse público”, declarou.

 

O gestor também salientou que existem contextos diferentes de idosos, sendo que muitos deles também estão inseridos no cenário de vulnerabilidade social. “Isso nos leva a conceder tratamentos plurais para esses públicos, respeitando suas necessidades e particularidades, pois cada pessoa tem um envelhecer diferente”, completou Magalhães.

 

Na mesa de abertura estavam presentes ainda a presidente do CMI, Luciana Calazans; o presidente da Fundacem, César Montes; a defensora pública Laise de Carvalho e a promotora de Justiça Ana Rita Cerqueira.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Campanha Salvador Capital Afro
Campanha Salvador Capital Afro
Jaguaripe
Jaguaripe
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS