Últimas Notícias

Queda de pastor “talarico” causa racha entre fiéis e disputa por poder

 

Foto: Hugo Barreto/Metrópoles


Segundo informações do site Metrópoles, o escândalo de traição envolvendo o pastor Manoel Pereira Xavier, de 51 anos, gerou um racha entre os fiéis e a liderança da Assembleia de Deus de Brasília (Adeb). O caso ganhou um novo capítulo com o anúncio de dois pastores ligados à cúpula da igreja para assumirem os cargos de vice-presidente e coordenador do Setor 2, que eram ocupados por Manoel antes de sua renúncia.

A traição do pastor, que envolveu uma "irmã" da igreja, gerou revolta entre os fiéis da Assembleia de Deus de Brasília, uma das maiores e mais tradicionais igrejas evangélicas do Distrito Federal, fundada em 1959. Integrantes da igreja acusam as lideranças da Adeb de tentarem encobrir o adultério de Manoel devido à ligação familiar, pois seu irmão, o pastor Orcival Pereira Xavier, de 68 anos, é o presidente da Adeb.

Com mais de 450 congregações no Distrito Federal, além da igreja sede, a Adeb está organizada em 29 Setores que abrangem todas as regiões administrativas da capital do país. O templo sede, localizado em Taguatinga, possui 1.550m² e capacidade para 2,2 mil pessoas, contando com mais de 700 membros.

Muitos membros, decepcionados com as trocas no comando e as provas da traição do pastor, deixaram a assembleia. Os fiéis esperavam a criação de uma comissão isenta para apurar os fatos e ouvir todos os envolvidos, mas as provas da traição de Manoel estariam sendo ocultadas pela igreja.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS