quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Bolsonaro pediu para filho se desculpar ‘àqueles que não interpretaram corretamente


O presidente da República, Jair Bolsonaro, fala à Imprensa no Hotel Imperial
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) pediu para o filho, eduardo, pedir desculpas pelas declarações a favor de um novo AI-5, ato que simbolizou o momento mais difícil do regime militar brasileiro.
“Eu falei para ele: ‘Se desculpa pô, junto àqueles que porventura não interpretaram você corretamente’. Ele falou: ‘Não tem problema, se desculpa [sic], não tem problema nenhum’”, relatou o presidente, em entrevista ao Brasil Urgente, da Band.

Bolsonaro ainda falou que o filho pode não ter sido interpretado corretamente.
“O que a gente fica chateado é que qualquer palavra fora de contexto vira um tsunami. Eu falo sempre com eles isso aqui e me policio também […] Nosso poderes que estão ai têm que se respeitados e ponto final. O STF tendo à frente o Dias Toffoli, a Câmara tendo o Rodrigo Maia, o Senado tendo o Davi Alcolumbre. Não temos que ficar discutindo picuinhas”, afirmou.
Bahia.Ba

Nenhum comentário:

Postar um comentário