terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Wagner abriu mão de vice-presidência nacional do PT para não entrar em disputa



Wagner abriu mão de vice-presidência nacional do PT para não entrar em disputa
O senador Jaques Wagner (PT) abriu mão da vice-presidência nacional do PT para não entrar em disputa pelo cargo, segundo informação da assessoria de comunicação do petista ao Bahia Notícias.

Wagner recebeu convite do ex-presidente Lula para assumir o posto, e chegou a dizer publicamente que aceitou. O senador também foi convidado publicamente pela presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, nas redes sociais, para ter um espaço na direção nacional.

O ex-governador da Bahia, no entanto, recuou quando percebeu que havia confrontos entre petistas pelos postos. Nos bastidores, o comentário é de que a corrente petista CNB (Construindo um Novo Brasil) pressionou a direção nacional para manter os cargos.

Ficaram com as vice-presidências: José Guimarães (CE), Zé Geraldo (PA), Luís Dulci (MG), Márcio Macêdo (SE) e Quaquá (RJ). 



Foto: Reprodução/Twitter


por Rodrigo Daniel Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário