segunda-feira, 4 de maio de 2020

Bolsonaro atribui agressão a jornalista a 'alguém que está infiltrado, algum maluco'


Bolsonaro atribui agressão a jornalista a 'alguém que está infiltrado, algum maluco'
O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (04), em entrevista a jornalistas no Palácio da Alvorada, que não viu agressão a jornalistas durante ato de apoio a seu governo em Brasília, neste domingo.

Ainda de acordo com o presidente, qualquer tipo de agressão partiu de pessoas "infiltradas".

"Eu não vi nada. Estava dentro do Palácio. Recriminamos qualquer agressão que porventura tenha havido. Se houve agressão, é alguém que está infiltrado, algum maluco e deve ser punido. Não existe agressão. Agora vaia e apupo é parte da democracia", falou Bolsonaro.

A principal vítima dos manifestantes foi o fotógrafo do jornal Estado de São Paulo Dida Sampaio. Ele registrava imagens do protesto quando foi agredido por vários manifestantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário