sexta-feira, 24 de julho de 2020

VARZEDO: Maria José mostra orgulho por ser gari e tenciona disputar vaga à Câmara de Vereadores


Pré-candidata a vereadora, ela afirma que a materialização desse intento fica a depender do aval do atual prefeito Bahia, na liberação de seu nome na lista de candidatos, quando da convenção municipal.
Por ANTONIO MASCARENHAS
Não deveria deveria ser assim, todavia, desde os primeiros tempos as mulheres vêm nessa luta incansável na busca de um “lugar ao sol”. Um lugar que, deveras, sempre foi seu. Acontece que, infelizmente, sempre estiveram em desvantagem com relação aos homens, principalmente, na esfera político-partidária. A relação sempre foi desigual. As conquistas foram paulatinas e à custa de muita luta.
COEFICIENTE PARTIDÁRIO
À custa de muita luta é que elas chegaram a participar de pleitos eleitorais. Elas que, sequer, votavam e, muito menos, poderiam ser votadas. Apesar de todas as conquistas auferidas, ao longo do tempo, nessa esfera, cada coligação (união de vários partidos) poderia dispor de 30%  de participação feminina; A Emenda Constitucional 97/2017 determinou, a partir de 2020, o fim das coligações partidárias. A regra está prevista no artigo 10, parágrafo 3º da Lei nº 9.504/1997 (Lei das Eleições). Por conta disso, cada partido, individualmente, terá que dispor de 30% para candidaturas de mulheres.  Isso significa que determinados partidos poderão carecer de nomes femininos.
CANDIDATURAS FANTASIOSAS
Acontece que tem sido muito difícil para os partidos, contar com quantidade suficiente de mulheres que possam participar, de forma efetiva, do processo eleitoral. Para dar um jeitinho e ludibriar a legislação eleitoral, muitas legendas acabavam lançando “candidaturas fantasiosas”, só para “encherem linguiça”. E isso aconteceu em todo o país e não foi diferente em Varzedo e Santo Antonio de Jesus, por exemplo.
Recentemente, várias “candidatas” apareceram como “detentoras de cargos eletivos” sem sequer pedirem votos. Por conta disso, ficaram impossibilitadas de receberem, por exemplo, auxílio emergencial. Alguns casos tiveram que acessar à justiça para receberem o benefício.
A justiça deveria ser mais incisiva e punir, com rigor os presidentes de partidos, diante de tais abusos. As mulheres, por sua vez, têm que ficar atentas quando esses partidos lhes oferecerem candidaturas, sem que lhes sejam dadas condições necessárias à participação no processo eleitoral. 
IMPERATIVA PARTICIPAÇÃO DE “MULHERES DETERMINADAS”
O distanciamento das mulheres no processo eleitoral, convenhamos,  não tem sido nada gratificante  para a sociedade que fica a mercê, apenas, da visão masculina. É imperativo, por conseguinte, que haja maior participação do que muitos (erradamente) tacham como “sexo frágil”.
É preciso que haja mais sensibilidade, no seio da sociedade, no trato com a coisa pública, principalmente, no tocante à educação, à saúde, cultura,  desporto e, porque não dizer, na infraestrutura e na gestão como um todo.
REFERÊNCIAS
Acompanhamos, de perto, por exemplo, o trabalho de Miriam, vinculada, na época, à Secretaria de Infraestrutura e que atuava na área de paisagismo, quando o titular da pasta era Durval Samuel, na gestão Euvaldo Rosa, em Santo Antonio de Jesus. Na oportunidade em que ela capitaneou os trabalhos  de reestruturação da praça da Urbis 1.  Vimos, de perto, a dedicação e, mais que isso, a sensibilidade que ela deixou fluir na confecção de cada intervenção. Ela que, também, realizou a Praça da Bíblia, etc. É essa sensibilidade (da mulher) que precisamos em nossas cidades.
A GARI PEDE ESPAÇO
É possível uma gari promover mudanças significativas, no seio  da sociedade, além da relevância do trabalho que efetua no dia a dia, contribuindo de forma insofismável, para a preservação ambiental? Claro que sim.
E é nessa direção que caminha Maria José que, além do meritório trabalho que realiza, também contribui para a arte e a cultura no município de Varzedo. Se vai sair candidata, não sabemos. Mas, convenhamos, é um nome, desde já, a ser apreciado. Vai depender do partido, no seio da conjuntura política do prefeito Bahia.
FONTE: TVSAJ

Nenhum comentário:

Postar um comentário