terça-feira, 20 de outubro de 2020

Condenada por matar grávida e roubar bebê será primeira mulher executada por governo dos EUA em quase 70 anos

Departamento de Justiça anunciou que Lisa Montgomery – que estrangulou mulher grávida no Missouri, em 2004, antes de cortar sua barriga e remover o bebê – receberá injeção letal em 8 de dezembro.

Lisa Montgomery será executada em 8 de dezembro — Foto: Reuters/BBC
Foto: Reuters/BBC


Pela primeira vez em quase 70 anos, os Estados Unidos executarão uma mulher condenada no sistema penal federal.

Conforme o Departamento de Justiça anunciou no sábado (17), Lisa Montgomery, que estrangulou uma mulher grávida no Missouri em 2004 antes de cortar sua barriga, remover e roubar o bebê, receberá uma injeção letal em 8 de dezembro.

A última mulher a ser executada pelo governo dos Estados Unidos foi Bonnie Heady, executada em uma câmara de gás no Missouri em 1953, de acordo com o Centro de Informações sobre Pena de Morte.

A execução federal do criminoso Brandon Bernard, que com seus cúmplices assassinou dois jovens líderes religiosos em 1999, também está marcada para dezembro.

O procurador-geral dos Estados Unidos, William Barr, disse que os crimes pelos quais essas pessoas foram condenadas à pena de morte foram "assassinatos especialmente hediondos".




G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário