OLIMPÍADAS


quinta-feira, 28 de outubro de 2021

Socorrista do Samu tenta defender família e é esfaqueado em Itapuã


Um socorrista do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de 52 anos foi esfaqueado pelo vizinho, na quarta-feira (27/10), no bairro de Itapuã, em Salvador. A vítima tentou defender a esposa e os filhos quando acabou sofrendo a tentativa de homicídio.

O criminoso, que foi preso em flagrante, atingiu o trabalhador no pulmão e na pleura. Conforme a Tv Record, o pai de família está internado em estado grave no Hospital Municipal de Salvador.

Já o bandido encontra-se na Central de Flagrantes e aguarda audiência de custódia. Antes de prestar depoimento, o agressor foi levado a um hospital, pois alegou que estava passando mal.

Parte da confusão foi registrada por câmeras de segurança. Conforme o Bnews, em entrevista ao Balanço Geral, nesta quinta-feira (28/10), os filhos da vítima contaram que os problemas com o vizinho começaram há cerca de cinco anos e já foram registrados diversos boletins de ocorrência. O homem é conhecido na região por se envolver em brigas.

“Vivemos com medo porque não sabemos o que ele pode fazer. Ele premedita, é maquiavélico. Antes de esfaquear meu pai, ele atropelou meu pai, já veio pra cima da gente com foice, ameaçou minha mãe. Já tem cinco anos esse problema. Esse homem não tem como viver em sociedade, ele quer fazer o mal. Não sabemos mais o que fazer”, desabafou o filho da vítima.

O jovem relatou que o agressor mora no primeiro andar do imóvel e tem mania de jogar lixo na escada dos vizinhos. Além disso, em plena madrugada, costuma usar martelos nas paredes. “Ele vive ameaçando a gente e os vizinhos. Desde que a gente comprou essa parte de cima (da casa), ele vive nos ameaçando por coisas que ele inventa na cabeça dele. Já chegou a arrebentar minha bicicleta”, acrescentou a filha do socorrista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário