Últimas Notícias

Produtor americano que se envolveu em confusão num hotel de luxo desabafa sobre racismo


 Produtor americano que se envolveu em confusão num hotel de luxo desabafa sobre racismo

O produtor americano HL Thompson desabafou sobre o episódio em que agrediu um turista durante tumulto num hotel de luxo na Zona Sul do Rio Na publicação, ele afirma que "o comportamento racista não será tolerado em nenhum nível" e diz que ama sua pele negra.

 

"Nunca, jamais tenha medo de fazer barulho e se meter em problemas, problemas necessários", informa a postagem, que faz menção ao ex-congressista dos Estados Unidos e lider do movimento negro, John Lewis.

 

"Não somos nossos ancestrais, o comportamento racista não será tolerado em nenhum nível, o preto é lindo e se isso te deixa desconfortável, isso é problema seu, não nosso, eu amo minha pele negra e não odeio as lindas bênçãos de Deus", escreveu Thompson.

 

Segundo ele, o casal brasileiro que se envolveu na confusão com ele estava embriagado e teria ofendido ele com um termo racista em inglês, após não terem conseguido passar à frente dele numa fila.

 

"Eu estava cuidando da minha vida, e essas pessoas racistas estavam bêbadas e irritantes. Me chamavam de 'nigger black guy' (insulto racista em inglês) porque eu não permitiria que eles me cortassem na fila", contou. 

 

"Eles voltaram com a polícia dizendo que eu os ataquei esperando horas fora do hotel com a polícia. O Hilton queria que eu não encontrasse a polícia, então fui e fiquei no Airbnb que também tinha alugado. Só estava no Hilton porque aluguei o local para minha festa de Ano Novo", disse HL, em resposta a um seguidor.

 

O jornal O Globo teve acesso ao boletim de ocorrência (BO) registrado por uma das pessoas envolvidas, uma mulher de 51 anos. De acordo com o relato, ela estava na recepção aguardando para realizar o check-out, quando surgiu um homem (HL Thompson) que teria começado a agredir seu marido, um turista alemão. O BO ainda dá conta de lesões que ela e seu marido sofreram.

 

As imagens divulgadas nas redes sociais expõem toda a situação. Nelas, a mulher aparece alterada e agarra o artista americano, que logo depois agride o acompanhante dela. A brasileira então grita: "me deixa ver o que aconteceu com ele, tira a mão de mim". Seguranças então apartam a situação.

 

 

A filmagem ainda mostra a mulher se dirigindo ao homem que aparentava aguardar atendimento, mas é contida pelos funcionários do hotel. Um dos seguranças pede pra que o rapaz se retire do ambiente logo depois. Uma testemunha que filma rechaça o episódio, diz que a atitude é "inaceitável", e pede para que a equipe de segurança segure a mullher.

 

Através de nota, o Hotel Hilton disse que está ciente do vídeo e que está cooperando com a polícia. Não houve, no entanto, detalhes sobre o ocorrido ou manifestação sobre a postura dos seguranças.

 

"Estamos cientes de que foi divulgado um vídeo mostrando um trecho de uma briga entre hóspedes do Hilton Rio de Janeiro Copacabana. Continuamos cooperando com a polícia em sua investigação", disse um porta-voz do hotel ao jornal.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem



header ads