Últimas Notícias

Com baiano, equipe de bobsled masculino conquista marca histórica para o Brasil

 Atletas fizeram o 20º melhor tempo do mundo nos Jogos de Inverno de Pequim


Foto: Alexandre Castello Branco / COB

Participando das Olímpiadas de Inverno há apenas seis edições - desde 2002 - a equipe brasileira de bobsled tinha um objetivo: chegar ao top 20 do esporte pela primeira vez. E conseguiu. O time da modalidade 4 man, do qual faz parte o baiano Edson Bindilatti, conseguiu o melhor resultado da história das participações brasileiras. 

O trenó ocupado por Edson Bindilatti, Edson Martins, Erick Vianna e Rafael Souza terminou a bateria decisiva, disputada na madrugada deste domingo (horário de Brasília), como o 20ª mais rápido do mundo e garantiu o melhor resultado brasileiro na história da disputa masculina da modalidade.

A única colocação mais alta do país em provas de bobsled foi em Sochi, em 2014, quando Fabiana Santos e Sally da Silva ficaram em 19º na competição de duplas femininas. No masculino, a melhor classificação do país era, até então, o 23° lugar conquistado em 2018, na edição passada da Olimpíada, em Pyeongchang, pela equipe 4-man. 

"É uma sensação de dever cumprido muito grande. Foram muitos anos de trabalho, dedicação, muita luta. O Brasil é isso, é coisa grande. A gente se dedicou bastante, lutamos bastante. Tivemos muitas dificuldades para chegar até aqui, mas só tenho agradecer porque a gente focou em resultado, evolução, em crescer, não ficamos nos lamentando", contou Bindilatti.

A trajetória para chegar ao top 20 começou no sábado, após o time brasileiro conseguir o 20° melhor tempo da primeira bateria e o 16º da segunda. Então, voltou a descer a pista neste domingo, durante a terceira rodada, e conquistou a classificação inédita para a descida final, garantindo a conclusão do objetivo.





Metro1



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
header ads