Últimas Notícias

PF prende ex-ministro Milton Ribeiro em operação que investiga escândalo no MEC


 O ex-ministro da Educação é suspeito de participação num “gabinete paralelo” para liberação de verbas do MEC. Os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura também são alvos de mandados de prisão. 

Em áudio divulgado em março pela Folha de S.Paulo, Milton Ribeiro afirmou que, a pedido do presidente Jair Bolsonaro, repassava verbas a municípios indicados por um dos pastores. A defesa do ex-ministro diz que a prisão é "injusta, desmotivada e indiscutivelmente desnecessária". Ribeiro, Santos e Moura negam irregularidades. 

O presidente Jair Bolsonaro, em entrevista à rádio Itatiaia, comentou a prisão do ex-ministro e disse que “ele responde pelos atos dele”. Policiais federais também fizeram buscas na sede do MEC, em Brasília.





Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem



header ads