Últimas Notícias

Rumo ao hexa! Richarlison dá show, faz golaço de voleio e Brasil vence a Sérvia

 

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

O jogo foi nervoso, mas deu Brasil! Nesta quinta-feira (24), a Seleção Canarinho venceu a Sérvia por 2 a 0 na estreia da Copa do Mundo. O show foi de Richarlison, que marcou os dois gols, sendo o segundo um golaço de voleio. 

 

O Brasil dominou o jogo, mas teve algumas dificuldades diante da forte marcação sérvia. Após um primeiro tempo zerado, a equipe de Tite voltou com tudo na segunda etapa e fez o placar da vitória. 

 

Fica a preocupação com Neymar, que sentiu saindo dores no tornozelo e chorando. A Seleção Brasileira ainda não se pronunciou sobre a situação do craque. 

 

Neymar chora no banco de reservas após sentir tornozelo | Foto: Reprodução / TV Globo

 

O Brasil volta a campo na próxima segunda-feira (28), para enfrentar a Suíça, Estádio 974, às 13h (de Brasília).

 

O JOGO 

A partida começou nervosa. Os sérvios tentaram pressionar a saída de bola do Brasil, mas a qualidade técnica fez a diferença para que a Seleção encontrasse saída. 

 

Aos 12 minutos, Vini Júnior fez boa jogada pela direita, invadiu a área e não conseguiu ajeitar para quem vinha de trás. Na cobrança do escanteio, Neymar quase fez um gol olímpico. 

 

Aos 20, o camisa 10 tentou novamente. Chutou forte de fora da área e a bola explodiu na zaga adversária. Logo na sequência, foi a vez de Casemiro arriscar. O goleiro Vanja Milinkovic-Savic defendeu em dois tempos. 

 

O primeiro "susto" veio aos 22. Após passe errado no campo de ataque do Brasil, a Sérvia encontrou espaço e Tadic lançou a bola na área para Mitrovic. Alisson saiu com segurança e ficou com ela. 

 

O Brasil respondeu aos 26. Thiago Silva enfiou uma bela bola para Vinicius Júnior, que dividiu com o goleiro. 

 

Aos 30, mais uma bela jogada brasileira. Paquetá descolou um belo passe de calcanhar para Raphinha, que cruzou na área e a bola ficou a poucos centímetros do pé de Thiago Silva e do gol. 

 

A chance mais clara aconteceu aos 34. Raphinha fez excelente tabelca com Paquetá e recebeu de frente para o gol, mas chutou fraco demais. 

 

Vinicius Júnior apareceu de novo aos 40 minutos. Após belo lançamento de Casemiro, o camisa 20 veio com tudo nas costas da zaga da Sérvia e saiu na cara do gol. O zagueiro se recuperou e o travou na hora do chute. 

 

Segundo tempo

A etapa final começou e logo o Brasil quase abriu o placar. Raphinha roubou a bola no campo de ataque e saiu frente a frente com o goleiro. Chutou em cima do sérvio. 

 

Aos cinco minutos, Neymar cobrou escanteio e a bola sobrou para Richarlison dentro da pequena área. O centroavante foi travado na hora da finalização. 

 

Quatro minutos depois, Vini Jr encontrou bom passe para Neymar, que, dentro da área, chutou para fora. 

 

Aos 14, Alex Sandro mandou uma bomba de fora da área na trave. O grito de gol ficou mais uma vez entalado na garganta.

 

Mas desentalou aos 17 minutos. Neymar fez bela jogada pelo meio, Vinicius Júnior chutou, o goleiro deu rebote e Richarlison fez a alegria do povo brasileiro. 1 a 0. 

 

O segundo quase saiu aos 22. Vinicius Júnior fez um bonito giro, invadiu a área, mas na hora de chutar a bola pegou no seu pé de apoio e foi para fora. 

 

Aos 27, Richarlison matou a partida com uma pintura. Vinicius Júnior cruzou na área, o "Pombo" dominou e virou um belo voleio para o fundo das redes. 

 

Brasileiros comemoram golaço de Richarlison | Foto: Lucas Figueiredo / CBF

 

Casemiro colocou uma bola na trave, aos 35, e Rodrygo chutou para bela defesa Vanja Milinkovic-Savic na sequência. Fred também levou perigo, aos 37, em chute de fora da área. 

 

FICHA TÉCNICA

Brasil 2 x 0 Sérvia
Copa do Mundo - 1ª rodada (Grupo G) 
Local: Lusail, Catar 
Data: 24/11/2022
Horário: 16h
Árbitro: Alireza Faghani (IRI)
Assistentes: Mohammadreza Mansouri e Mohammadreza Abolfazli (ambos do IRI)
Quarto assistente: Maguette N'Diaye (SEN) 
VAR: Abdulla Al-Marri (CAT) 
AVAR: Muhammad Bin Jahari (SIN)
Cartões amarelos: Pavlovic, Lukic e Gudelj (Sérvia)
Gols: Richarlison (2)

 

Brasil: Alisson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Lucas Paquetá (Fred) e Neymar (Antony); Raphinha (Gabriel Martinelli), Richarlison (Gabriel Jesus) e Vinicius Júnior (Rodrygo). Técnico: Tite.

 

Sérvia: Vanja Milinkovic-Savic; Milenkovic, Veljkovic e Pavlovic; Lukic (Lazovic), Zivkovic (Radonjic), Gudelj (Ilic), Sergej Milinkovic-Savic e Miadenovic (Vlahovic); Tadic e Mitrovic (Maksimovic). Técnico: Dragan Stojkovic.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
PIROPO NEWS