Últimas Notícias

Publicidade Jaguaripe 2023

Suíca repudia vandalismo em monumento de Mãe Stella de Oxóssi; “Mais um ato de intolerância”

FOTO: Divulgação


O ato de vandalismo no monumento de Mãe Stella de Oxóssi, em Salvador, foi repudiado pelo vereador soteropolitano Luiz Carlos Suíca (PT) e considerado mais um ato de intolerância religiosa na capital baiana. Em suas redes sociais, o edil petista disse que é "totalmente inadmissível que um monumento em homenagem a alguém com tamanha grandeza para nossas memórias e para nossa história seja alvo de vandalismo". O local foi incendiado na madrugada deste domingo (4).

"É mais um ato de intolerância. E não podemos admitir esse tipo de situação. Cobramos das autoridades celeridade nas investigações e que, confirmando o ato de intolerância religiosa, os culpados sejam devidamente punidos", frisa Suíca. O vereador manifesta profunda insatisfação com a situação e diz que o caso não pode ficar impune. "Vamos acionar o Ministério Público e demais órgãos competentes para que possam apurar e responsabilizar os culpados".

Suíca também defende a liberdade de crença, além de destacar que é crime vandalizar monumentos públicos. A obra de arte é do artista plástico Tatti Moreno. "Não vamos deixar que a memória de Mãe Stella seja manchada. Ela lutou sempre por respeito à diversidade e precisamos preservar a cultura afro e respeitar as diferenças, um legado dela, inclusive. É um ato criminoso que merece ser investigado. Até porque, não é a primeira vez que isso acontece. O monumento já foi vandalizado outras vezes. Isso precisa acabar", sintetiza Suíca.


Ascom do vereador Luiz Carlos Suíca

Vitor Fernandes (DRT-2430)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem