Últimas Notícias

Publicidade Jaguaripe 2023

Comunidade de São Cristóvão recebe projeto de urbanização da Arena Planeta

A urbanização da Arena Planeta teve a ordem de serviço para início das obras assinada nesta terça-feira (17)

Imagem: Divulgação/FMLF 


 

 Sonho antigo dos moradores da comunidade mais carente do bairro de São Cristóvão, a urbanização da Arena Planeta – localizada entre as Ruas São Cristóvão e São Francisco, e anteriormente denominada Planeta dos Macacos –, teve a ordem de serviço para início das obras assinada nesta terça-feira (17), pelo prefeito Bruno Reis. Também estiveram presentes a presidente da Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF), Tânia Scofield, demais gestores municipais e lideranças. 


Imagem: Divulgação/FMLF 

 

A estrutura será totalmente requalificada pela Prefeitura, com ações de paisagismo, drenagem, acomodações, espaços de lazer e boxes para comercialização de alimentos e bebidas, contabilizando quase R$5 milhões em investimento. Durante a apresentação do projeto de urbanização, o prefeito lembrou que a requalificação da praça esportiva é um grande anseio da comunidade, que agora será posto em prática. 

 

"Era um sonho antigo da comunidade transformar essa área em uma verdadeira arena onde pudéssemos compatibilizar o esporte com atividades comerciais. Aqui teremos uma arena com todo o entorno requalificado. A obra terá o poder de estimular e incrementar a renda local, além de promover o desenvolvimento da região”, declarou Reis. 

 

O prefeito ressaltou ainda uma outra iniciativa para o local. “Também discutiremos a colocação de um espaço no projeto para realização de aulas de boxe. Afinal de contas, o esporte tem capacidade de inclusão, afastando jovens da criminalidade e das drogas. Essa arena vai ajudar ainda no fortalecimento da autoestima das pessoas", acrescentou. 

 

Projeto – Desenvolvido pela FMLF, o projeto de urbanização contempla uma área de 21,7 mil metros quadrados e foi concebido para atender as necessidades e expectativas da comunidade, requalificando o campo de futebol e entorno, dispondo de locais para o desenvolvimento de atividades esportivas e de lazer para os moradores. Prevê ainda a requalificação do campo de futebol existente e novos equipamentos esportivos para atender os moradores em práticas cotidianas de cuidado com a saúde. 

 

A presidente da FLMF ressaltou que a Arena Planeta será uma área de lazer e esporte da comunidade, que vai proporcionar lazer e convívio de idosos e que eles ansiavam há muitos anos. “Completamos a ideia do campo com outros equipamentos. Aproveitamos o entorno, criamos uma quadra de areia, espaço para andar de skate, parque infantil, academia, arquibancada para torcer para os times locais, vestiários com sanitários, outros espaços para funcionar como centro comunitário, com aulinhas de iniciação esportiva e quiosques para comércio. É um projeto bonito, agradável, uma grande área para esporte, lazer e convívio, de forma a qualificar cada vez mais estes espaços de nossa cidade", explicou Tânia Scofield. 

 

O projeto da FMLF valoriza espaços como a escolinha de futebol e a sala de formação, pois contemplam necessidades adicionais para reuniões e encontros, que devem apoiar as atividades da vida associativa e participativa da comunidade. Prioriza também a estruturação de uma praça de esportes a partir da requalificação do campo de futebol, em grama sintética, reforma do alambrado, recuperando quadra de futevôlei e arquibancada, criando estrutura de vestiários, pista de cooper, espaço com equipamentos de ginástica e pista de skate. 

 

A auxiliar de serviços gerais Erenice Jesus, 57 anos, salientou a importância da requalificação do lugar, em especial da criação da Arena. "Nós que somos mais velhos e vivemos isso aqui desde antigamente sabemos da importância desta obra. É uma opção de lazer que não tínhamos. Vamos poder curtir um final de semana ao lado dos filhos e netos em um lugar mais bonito, que valoriza demais o nosso ‘quintal’". 





SECOM Salvador

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem