Últimas Notícias

Prefeitura de Salvador inicia operação de 30 bicicletas elétricas; meta é chegar 200 até o final do ano




Foto: Valter Pontes / Secom PMS
Reportagem: Thiago Souza e Vitor Villar / Secom PMS

A Prefeitura entregou nesta sexta-feira (1º) as 30 primeiras bicicletas elétricas ao sistema do Bike Salvador, as famosas “Laranjinhas”, com meta de chegar a 200 veículos deste tipo até o final do ano. A novidade, realizada em parceria com o banco Itaú e a empresa Tembici, foi lançada na abertura do 4º Fórum Salvador Vai de Bike, que acontece durante todo o dia no piso L3 do Shopping da Bahia. A partir deste sábado (2), os usuários já poderão optar pelo veículo elétrico.

Salvador será a primeira cidade do Norte e Nordeste e a terceira capital do Brasil a ter bikes elétricas compartilhadas. O lançamento chega num momento de comemoração, já que o Movimento Salvador Vai de Bike (MSVB) completa 10 anos neste mês de setembro, assim como a chegada das primeiras Laranjinhas. A capital baiana já soma 10 milhões de viagens feitas pelos usuários desde 2013, e o sistema já recebeu o cadastro de mais de 450 mil usuários.

O prefeito Bruno Reis lembrou que, há 10 anos, Salvador tinha apenas 30 km de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas. E que, neste período, a Prefeitura colocou o fomento à mobilidade por bikes como política pública permanente. “Hoje, já passamos de 300 km de vias para as bicicletas. Todas as obras viárias ou de mobilidade da gestão municipal têm sido realizadas contemplando o espaço para quem anda de bike. Tem sido assim nos últimos anos e vai continuar”, disse.

“Esse movimento implantou a cultura da bicicleta em nossa cidade. A gente não tinha isso no passado. É visível como o movimento estimulou milhares de pessoas a curtirem a sua cidade passeando de bike, pudessem cuidar da sua saúde andando de bike, pudessem ir ao trabalho de bike, pudessem se conectar entre os diversos modais de transporte público através da bike. É um movimento responsável pela virada de chave em Salvador”, completou o prefeito.

As bikes elétricas que chegam a Salvador têm velocidade limitada a 25 km/h e tecnologia de pedal assistido, que é acionada ao simples pedalar. São os mesmos modelos que estão disponíveis em cidades como Nova Iorque, Londres, Chicago, Dubai e Barcelona. São bicicletas robustas, desenvolvidas especificamente para sistemas de compartilhamento, o que influencia na segurança e conforto de quem pedala.

As 30 bicicletas elétricas, que têm autonomia para funcionar por até seis horas, serão distribuídas entre as 50 estações ativas em Salvador. Elas se somarão às 400 unidades convencionais que já estão disponíveis no sistema. Para o usuário, será possível diferenciar o veículo tradicional do novo por meio de um símbolo de raio, no aplicativo do Bike Itáu, que identifica as unidades elétricas. Elas poderão ser retiradas e entregues nas estações normalmente, como ocorre atualmente.

Plano - Bruno Reis também afirmou que em setembro a Prefeitura apresentará à população o Plano Cicloviário de Salvador, contemplando todas as intervenções viárias e todas as políticas de fomento para tornar a mobilidade por bicicletas ainda mais ampla, segura e acessível na capital baiana. O documento foi elaborado ouvindo usuários do modal ao longo de várias etapas de consultas públicas e, segundo o prefeito, apresenta os caminhos para que a cidade chegue a 725 km de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas.

Como destacou Isaac Edington, coordenador do MSVB e presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), a bicicleta passou de um meio de transporte negligenciado na capital baiana para uma opção de mobilidade popular e sustentável, tendência que é observada em todo o mundo. “Esse meio de transporte centenário vive um momento de ebulição. Ainda há grandes desafios, como a reformulação dos sistemas viários e a harmonização da convivência entre motoristas e ciclistas. Mas, nesse processo, Salvador avança a cada dia e os últimos 10 anos foram de uma evolução sem precedentes”, disse.

“Acompanhamos as tendências globais e sabemos da importância das bikes elétricas para cidades mais democráticas e sustentáveis. Será um marco muito importante para Salvador”, disse Gabriel Reginato, diretor de negócios da Tembici, empresa responsável pela operação do projeto. “O nosso investimento no projeto de bikes compartilhadas, que já vem de longa data, é fruto da nossa visão da mobilidade ativa como um elemento essencial para as cidades do futuro”, destacou Luciana Nicola, diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade do Itaú Unibanco.

Programação - Além do lançamento das bikes elétricas, Salvador receberá neste final de semana o 4º Fórum Salvador Vai de Bike e o Festival da Bicicleta, em comemoração aos 10 anos do Movimento Salvador Vai de Bike. Nesta sexta-feira (1º), ocorre o fórum, entre as 9h e 17h, no piso L3 do Shopping da Bahia, que contará com seis palestrantes.

Entre os palestrantes, Zé Lobo, fundador da organização Transporte Ativo, Marina Convertino, relações institucionais do Itaú, Letícia Fonti, diretora de Modos Ativos da CET do Rio de Janeiro, Juliana Minorello, diretora de Políticas Públicas da Tembici, Fernando Pinto Coelho, coordenador executivo da Bloomberg e Denise Silveira, fotógrafa, pesquisadora e idealizadora do projeto Ciclovia Musical.

Além do fórum, ocorre de sexta-feira (1) até domingo (3) uma série de ações no Festival da Bicicleta, no mesmo espaço do Shopping da Bahia. Entre as ações estão uma exposição de lojistas ligados ao mundo da bike, minicircuito fixo de bikes para as crianças, pocket shows, exposição fotográfica, palestras e muito mais.

O sábado (2) começa com o passeio ciclístico do Festival da Bicicleta. O ponto de concentração será o Parque dos Ventos, a partir das 8h. O pedal irá em direção ao Shopping da Bahia para que os ciclistas possam participar de todas as ações que acontecerão no espaço do Festival da Bicicleta.




Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS