Últimas Notícias

BALANÇO: Noite da virada é marcada pela tranquilidade com redução de 56,3% nas ocorrências na Arena Daniela Mercury

 

Foto: Bruno Concha / Secom PMS

A noite da chegada de 2024 na capital baiana, neste domingo (31), foi marcada pela tranquilidade no quarto e penúltimo dia do Festival Virada Salvador 2024, na Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio. Mesmo com o público lotado no local, o Núcleo de Estatísticas da Guarda Civil Municipal de Salvador (GCM) registrou uma queda de 56,3% nas ocorrências, em relação à noite anterior. Foram computados um total de três encaminhamentos à delegacia por situações diversas, dois por brigas, um por furto e outro por desacato, totalizando sete registros, contra 16 da noite anterior.

Ao longo deste domingo (31), foram realizados 117 atendimentos – destes, 51 foram apoio a diversos órgãos. Os agentes também fizeram 162 patrulhamentos preventivos e 117 abordagens preventivas.

Em quatro dias de evento, foram encontrados 307 documentos, o que representou uma redução de 16,1% em relação ao mesmo período da edição do ano passado (366), além da identificação de 2.487 crianças, um aumento de 75% em relação às quatro noites de festival em 2023 (1.421).

Comércio, poluição sonora e publicidade – A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) realizou, na penúltima noite do Virada Salvador (31), 252 vistorias a estabelecimentos, com a realização de 79 orientações, duas notificações e uma interdição de estacionamento irregular. Os agentes também fizeram 155 remoções de publicidade irregular e 38 recolhimentos de garrafas de vidro.

No quesito poluição sonora, foram registradas 66 denúncias e realizadas 30 vistorias, além de 19 ações de monitoramento de som.

Mobilidade – No penúltimo dia de Virada Salvador, a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) registrou 47 mil pessoas que utilizaram o transporte público disponibilizado para a festa. Além da frota regular, mais 101 ônibus reguladores deram apoio à operação.
 
Aproximadamente 530 táxis e 90 mototáxis transportaram uma média de 8 mil pessoas presentes no evento.

Trânsito – Na noite da virada no entorno da Arena Daniela Mercury, neste domingo (31), a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) apresentou pontos de lentidão em ambos sentidos da Avenida Octávio Mangabeira devido ao fluxo intenso de pedestres. Os agentes do órgão fizeram canalizações na via para dar mais segurança à travessia.

As equipes também intensificaram a fiscalização nas proximidades de pontos de ônibus, táxi e veículos por aplicativo para coibir o estacionamento irregular e ordenar o trânsito. Na quarta noite de programação, quatro veículos foram removidos ao pátio da autarquia por estarem impactando na fluidez e na segurança da via.

Pela primeira vez em quatro dias de evento, a Transalvador registrou um acidente entre moto e carro na Boca do Rio. O sinistro aconteceu por volta da zero hora desta segunda-feira (1º) na Avenida Octávio Mangabeira, próximo ao MultiShop. O motociclista ficou ferido e foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), sendo liberado no próprio local.

Das 16h de domingo (31/12) até as 4h desta segunda-feira (1º/1), 16. 655 veículos passaram pela Avenida Octávio Mangabeira, em frente ao Centro de Convenções Salvador, no sentido Pituba, e 7.709 veículos circularam no mesmo trecho no sentido Itapuã. Os estacionamentos Zona Azul no entorno da festa tiveram 361 vagas ocupadas, o maior quantitativo registrado em quatro dias de evento.

Ao longo do perímetro do evento, cerca de 40 agentes da Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador) estão em 14 pontos fixos atuando na operação especial montada pelo órgão municipal de trânsito.

Saúde – No quarto dia do evento, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) contabilizou 209 atendimentos realizados nos dois módulos assistenciais da Arena Daniela Mercury. Do total, 87% foram clínicos (183 casos contabilizados), sendo as principais causas relacionadas à tontura, náusea, cefaleia e dor abdominal. Tiveram ainda dez procedimentos cirúrgicos, 15 ocorrências relacionadas à ortopedia e um acolhimento de enfermagem.

Houve também seis transferências de pacientes para unidades de retaguarda, sendo um caso grave relacionado a infarto agudo do miocárdio. O acolhimento do serviço social atendeu 53 pessoas nos módulos de saúde, o que inclui pacientes, familiares e/ou responsáveis.

Mulher, criança e adolescente – O Centro de Acolhimento, Aprendizagem e Convivência (Caac), montado pela Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), acolheu 112 crianças e adolescentes na quarta noite de festa, sendo 53 meninas e 59 meninos. Do total, 29 estão na faixa etária de 0 a 3 anos, 37 crianças de 4 a 6 anos, 37 crianças de 7 a 11 anos e nove adolescentes e 12 a 17 anos.

O Centro de Referência de Atenção à Mulher (Cram) efetuou 106 atendimentos psicossociais e jurídicos. Foram registrados 51 casos de importunação sexual e 255 buscas por informações.

Conselho Tutelar – Na quarta noite de Virada Salvador, o Conselho Tutelar promoveu 736 ações preventivas e 335 de orientação. Do total de 47 atendimentos efetuados, 19 foram destinados a crianças e 28 para adolescentes. Foram realizados quatro encaminhamentos ao Caac, flagrados 17 casos de situação de trabalho infantil e um de situação de vulnerabilidade, identificado 15 exposições ao risco ou negligência dos pais/responsáveis, dois conflitos familiares, quatro casos de violência doméstica, uma criança em situação de rua/abandono e uma criança perdida.

Assistência social – A Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), através da campanha Criança Não é Mão de Obra, promoveu 962 abordagens, com 40 cadastros realizados. Foram identificados 24 casos de vulnerabilidade e 12 crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil. Uma criança foi encaminhada ao Caac e outros 43 encaminhamentos foram realizados aos serviços da Sempre.

A equipe de Abordagem Social realizou 120 abordagens a pessoas em situação de risco social, com dez cadastros efetuados e 13 acolhimentos. O Mirante Acessível, na Arena Daniela Mercury, recebeu 57 pessoas com deficiência e 37 acompanhantes.

Ouvidoria – A Ouvidoria Geral do Município (OGM) contabilizou, no quarto dia de Festival Virada Salvador, 408 registros feitos pela equipe volante na Arena Daniela Mercury e Central 156. A maioria das manifestações foi referente a informações sobre serviços na festa, elogio sobre a programação e atrações, sugestões de melhorias para o evento e solicitação de serviços municipais.

O posto de atendimento da Ouvidoria na Arena Daniela Mercury está situado ao lado do Palco Brisa e a Central 156 opera 24h.

Manutenção – A Secretaria Municipal de Manutenção (Seman) realizou 12 ações na Arena Daniela Mercury, das 7h do domingo (31/12) até as 6h desta segunda-feira (1°/1). Dentre as intervenções estão a limpeza e desobstrução de calhas, caixas e redes de drenagem, manutenção de tapumes, aplicação de asfalto a frio, remoção de estruturas que ofereciam riscos e reabastecimento de água do trio, dentre outras.

Secom
...

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS