Últimas Notícias

É TÃO BOM. É SALVADOR
É TÃO BOM. É SALVADOR

SALVADOR: Mercados municipais oferecem opções para composição da ceia da Sexta-Feira Santa

Foto: Bruno Concha/Secom PMS


Peixe, quiabo, castanha, camarão e dendê são alguns dos itens indispensáveis à ceia da Sexta-Feira Santa que, em 2024, acontece no próximo dia 29. Para garantir os produtos do período, os mercados municipais são opções interessantes para quem busca economia, qualidade e comodidade na hora de comprar os itens favoritos em um local perto de casa. Atualmente, Salvador conta com 14 mercados e feiras sob a tutela da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop).

 

Localizado na Ladeira da Água Brusca, o Mercado de Água de Meninos oferece opções variadas de pertences para a confecção da ceia, com foco em frutos do mar e ingredientes para o caruru, o vatapá, a moqueca e outras iguarias da peculiar culinária soteropolitana. Para o aposentado Emanuel Santos, 64 anos, as compras para a Semana Santa têm início no fim do Carnaval. “Começa a Quaresma e já é grande a expectativa. Geralmente venho aqui buscar peixes em postas, como a pescada amarela, polvo, camarão e outros produtos”, explica.

 

Na banca de Maria Joselita Santos, por exemplo, o litro do dendê varia entre R$12 e R$15. O leite de coco, por sua vez, sai a partir de R$8. O camarão segue a média geral, por volta de R$50 o kg, enquanto a castanha de caju tem preço médio de R$60. “As pessoas preferem comprar tudo logo no começo do mês, para depois congelar até o dia de cozinhar. Para este ano, a expectativa de vendas é muito boa”, assinala.

 

Viradão – Durante a Semana Santa, o mercado funciona até as 3h, no tradicional Viradão de Páscoa. No ano passado, de quinta para sexta-feira o mercado funcionou 24 horas e com grande movimento de passagem, com alguns comerciantes relatando a falta de peixe.

 

“Tivemos uma grande procura no período do Carnaval, quando houve um bom movimento, por isso acredito que a Semana Santa será excelente”, lembra Joselita.

 

Variedades – O Núcleo de Abastecimento, Comércio e Serviços (Nacs) de Itapuã, localizado na Avenida Dorival Caymmi, é outra boa opção para quem procura bons preços e alternativas viáveis para a ceia. O Nacs funciona de terça a sábado, das 6h às 18h, domingos e feriados, das 6h às 14h

 

Veterano no comércio desses produtos, o feirante Joaquim Pereira, de 40 anos, conta com a antecipação das compras para ter uma Quaresma feliz. “Sabemos que as pessoas têm essa coisa de antecipar as compras para não pegar o aumento de preços que acontece na Semana Santa. Nossa expectativa é boa, mas ainda está bem devagar”, declara.

 

Tradicional ponto de venda de produtos alimentícios, o Nacs Itapuã comercializa o feijão fradinho por R$10, cada quilo. Já o azeite de dendê custa, em média, R$15 o litro. O leite de coco sai, em média, por R$14 o litro, a castanha quebrada custa R$55, e o camarão custa R$55.


 Reportagem: Ana Virgínia Vilalva e Eduardo Santos/Secom PMS

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Campanha Salvador Capital Afro
Campanha Salvador Capital Afro
Jaguaripe
Jaguaripe
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS