Últimas Notícias

É TÃO BOM. É SALVADOR
É TÃO BOM. É SALVADOR

Boletim da Câmara Municipal de Salvador - 21 de maio de 2024

 

Apresentação da Sefaz aconteceu em audiência pública presidida pelo vereador Daniel Alves

 

A Comissão de Orçamento, Finanças e Fiscalização da Câmara Municipal de Salvador promoveu, na segunda-feira (20), uma audiência pública para apresentação do Relatório de Gestão Fiscal do Primeiro Quadrimestre de 2024, detalhando as receitas e despesas da Prefeitura de Salvador no período.


A audiência, realizada no auditório do Edifício Bahia Center, foi conduzida pelo presidente da Comissão de Orçamento, Finanças e Fiscalização da Câmara Municipal, vereador Daniel Alves (PSDB) e contou com a presença da vereadora Marta Rodrigues (PT).

O vereador Daniel Alves destacou a importância da transparência e do planejamento financeiro para a gestão pública: “A apresentação dos números fiscais é essencial para garantir a transparência e o controle social sobre as finanças municipais. Precisamos acompanhar de perto a execução orçamentária para assegurar que os recursos estão sendo utilizados de maneira eficiente e em benefício da população”.


O documento foi apresentado pelo diretor do Tesouro da Secretaria Municipal da Fazenda (Sefaz), Ricardo Gois. A reunião contou com a presença da titular da Sefaz, Giovanna Victer, e do subsecretário Daniel Ribeiro.


O relatório mostrou um panorama das finanças municipais, destacando tanto os avanços quanto os desafios enfrentados pela administração. Ricardo Gois detalhou os números que compõem o cenário econômico de Salvador, abordando as principais fontes de receita e os investimentos realizados pela Prefeitura.


O relatório fiscal do primeiro quadrimestre será analisado pela Comissão de Orçamento, Finanças e Fiscalização, que emitirá um parecer sobre a execução orçamentária apresentada.

 

 

 

 

Defensores públicos solicitam apoio dos vereadores

 

A categoria, que está em greve, ocupou a Tribuna Popular da Câmara na tarde de segunda-feira (20)

 

Os defensores públicos baianos estão em greve desde o dia 15 deste mês. A situação da categoria foi relatada pela vice-presidente da Associação das Defensoras e Defensores Públicos da Bahia (ADEP-BA), Melisa Teixeira, que ocupou a Tribuna Popular da Câmara na tarde de segunda-feira (20), durante a sessão ordinária presidida pelo vereador Carlos Muniz (PSDB).


Segundo Melisa, a categoria reivindica melhorias na estrutura de trabalho e um aumento no número de defensores. Ela destacou que “a Defensoria é a porta da esperança” para as pessoas que necessitam de justiça. Também solicitou a aprovação, pela Assembleia Legislativa da Bahia, do Projeto de Lei Complementar nº 154/2023, que propõe alterações na Lei Complementar nº 26, de 28 de junho de 2006 (Lei Orgânica e Estatuto da Defensoria Pública do Estado da Bahia), entre outras providências.


Em carta distribuída no Plenário Cosme de Farias, lideranças da ADEP-BA afirmam que, ao longo dos anos, a instituição vem sendo desrespeitada e tratada de forma desigual em comparação com outras carreiras, o que viola diretamente a Constituição Federal de 1988.

A categoria informou que os casos urgentes, como saúde, audiências de custódia e apresentação de adolescentes, serão priorizados, com avaliação periódica dos demais casos.

 

Comentários

 

No comentário da Tribuna Popular, o vereador Duda Sanches (União) afirmou que o governador Jerônimo Rodrigues deveria atender às reivindicações dos defensores públicos, uma “categoria que enfrenta uma missão árdua e difícil”.


O vereador Luiz Carlos Suíca (PT) pediu o aumento no número de defensores públicos e reconheceu a luta da categoria. Seu colega, Augusto Vasconcelos (PCdoB), enfatizou a necessidade de valorizar o trabalho desses profissionais e apoiou a aprovação do Projeto de Lei Complementar nº 154/2023.


Os 13 anos sem reajuste salarial dos defensores públicos foram lembrados com indignação pelo vereador Kiki Bispo (União). A maneira como o governo do Estado da Bahia vem tratando a Defensoria Pública foi criticada pelo vereador Leandro Guerrilha (Republicanos).

A presença de Melisa Teixeira na Tribuna Popular foi possível devido à ausência dos oradores previamente inscritos, Vivian Caroline de Freitas Magalhães e Silvia Santos Ribeiro.


Jovens do Protagonismo da Juventude Republicana, da Região Metropolitana, assistiram à sessão ordinária. Eles acompanhavam o deputado estadual Jurailton Santos (Republicanos).



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Campanha Salvador Capital Afro
Campanha Salvador Capital Afro
Jaguaripe
Jaguaripe
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS