Últimas Notícias

SALVADOR: Prefeitura conclui implantação de 915 km da Infovia e cria nuvem própria para armazenar dados

 

Foto: Valter Pontes/ Secom

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, anunciou nesta quarta-feira (26) a conclusão da Infovia Salvador e a implantação da nuvem própria para armazenamento dos dados da administração municipal. Ambas as iniciativas integram o conjunto de políticas públicas do Plano Diretor de Tecnologias da Cidade Inteligente (PDTCI).

Com 915 km de fibra ótica instalados, a Infovia Salvador é a rede própria da cidade que vai conectar aproximadamente mil prédios públicos à internet de alta velocidade e, além disso, oferecer Wi-Fi gratuito à população no entorno desses locais. Para a implantação da infovia, foram investidos R$87 milhões, com financiamento do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), segundo o chefe do Executivo municipal.

Durante evento para autorizar o início das obras do Centro de Controle de Operações (CCO) e do Hub de Tecnologia, no Subúrbio, o prefeito afirmou que a infovia melhorou a prestação de serviços municipais em diversas áreas. “A gente não conseguia colocar internet rápida e de qualidade nas nossas unidades de saúde, escolas, Cras e Creas, em especial nos bairros mais distantes. Não dava, por exemplo, para acessar o sistema do Cadúnico, do governo federal, em um Cras em Nova Brasília de Valéria. Porque a internet que chegava lá não tinha capacidade para isso”, exemplificou.

O gestor municipal destacou que, com a implantação da infovia, as mais de mil praças da capital baiana terão Wi-fi gratuito - atualmente 175 já estão conectadas à rede. Além disso, a iniciativa vai representar economia para os cofres públicos. De acordo com o prefeito, o Município tinha um custo anual de R$25 milhões para comprar aparelhos específicos que possibilitassem o funcionamento da internet em prédios públicos. “Investimos R$87 milhões para economizar R$25 milhões por ano e ter uma internet com capacidade muito maior, oferecendo os serviços com uma qualidade melhor”, comparou.

Com a estrutura instalada, haverá ainda a possibilidade de conseguir recursos para a Prefeitura. “Das 48 fibras que passam por cada via, a gente só está utilizando 10, ainda tem 38. Se a gente quiser, pode fazer a concessão para a iniciativa privada. Quem quiser comprar o Wi-Fi da prefeitura vai poder”, disse.

Nuvem – Na implantação da nuvem própria, o investimento foi de R$25 milhões, informou o chefe do Palácio Thomé de Souza. Com isso, haverá maior segurança no armazenamento dos dados, muitos deles pessoais, como informações das secretarias da Fazenda (Sefaz) e da Saúde (SMS), por exemplo. 

“A Prefeitura tinha que salvar tudo na nuvem a um custo de R$2 milhões por ano. Faltava segurança, constantemente éramos atacados por hackers, o sistema caía. Então resolvemos ter uma nuvem própria e investimos R$25 milhões. Estamos migrando todos os dados para uma única nuvem e desativando as mini datacenters de cada secretaria e órgão. Isso também representa economia de recursos públicos”, explicou o prefeito.

Com a Infovia e a Nuvem, somados ao início das obras do CCO e do Hub de Tecnologia, o prefeito destacou que Salvador se consolida como uma das cidades mais inteligentes do país. “Salvador caminha para se consolidar como uma das cidades mais inteligentes do Brasil. Não tem outra cidade no Brasil que tenha uma rede própria de 915 quilômetros. Nós somos a maior hoje do Brasil. Também temos agora nossa nuvem própria e teremos o centro de controle de operações com essa dimensão que só o Rio de Janeiro tem. E vamos para o nosso segundo Hub de inovação em uma das áreas mais carentes da cidade para possibilitar que os jovens do Subúrbio também e principalmente possam ter acesso aos empregos do presente e do futuro”, ressaltou.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Câmara SAJ - 2024
Câmara SAJ - 2024
Jaguaripe
Jaguaripe

Veja mais notícias do Pirôpo News no Google Notícias
PIROPO NEWS GOOGLE NOTÍCIAS